Déficit de vagas nas cadeias do Tocantins deve cair 75%

O governador Marce­lo Miranda (MDB) autorizou a construção de um novo pavilhão na Casa de Prisão Provisória de Pal­mas (CP­PP) e a reforma e a am­pli­ação do Centro de Reedu­ca­ção Social Luz do Ama­nhã, de Cariri, no sul do Estado. O ato foi assinado na quarta-feira, 21, na sede da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça. Na ocasião, o go­vernador entregou 20 ca­mi­nho­ne­tes-celas à Se­cre­taria de Cidadania e Jus­tiça (Seciju), que serão utilizadas nas unidades prisionais do Estado, além de uma brinquedoteca e sa­la de incentivo à amamentação para a unidade pri­sional feminina de Pedro Afonso.

O novo pavilhão da CPPP ampliará a capacidade de internação da unidade e vai custar R$ 1.890.480,12. O prazo pa­ra en­tre­ga é de 12 me­ses. Já a re­forma e am­pli­ação da unidade prisional de Cariri vão permitir a cri­ação de 48 novas va­gas. A obra terá a duração de 12 meses e está or­çada em R$ 3,1 mi­lhões. As duas obras se­rão realizadas com recursos do governo do Tocantins.

O titular da Seciju, Glauber Oliveira Santos, dis­se que o sistema penitenciário do Tocantins es­tá livre de vícios apresentados nos demais Es­ta­dos e que o governo to­canti­nense está empenhado em reduzir o déficit carcerário com a cons­trução de no­vos presídios. “São muitas de­man­das de melhorias, que com planejamento te­mos avançado, como é o caso das aberturas de va­gas prisionais. E ainda es­te ano vamos dar início à abertura de quase 1.300 va­gas. Dessa forma, conseguiremos reduzir esse déficit em quase 75%.”

Para o governador, es­sas obras representam mui­­to trabalho e planejamento para ampliação e hu­manização do sistema pe­nitenciário no Estado. “Não temos medido es­for­ços para que o To­can­tins tenha sempre assegurado bons serviços em suas unidades prisionais, no entanto, em um setor crucial para a população, como é a segurança pú­bli­ca, os gargalos não se re­solvem num passo de má­gica e para isso são ne­cessários planejamento e parcerias.” l

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.