Carlesse e Wanderlei são diplomados pelo TRE-TO

Parlamentares renunciaram aos cargos de deputado estadual para assumirem cargos do executivo

Divulgação

Após obter 75,14% dos votos válidos contra 24,86% do senador Vicentinho Alves (PR), Mauro Carlesse (PHS) foi escolhido para comandar o Tocantins no segundo turno da Eleição Suplementar, realizada no dia 24 de junho.

Nesta segunda-feira (9/7), o TRE-TO, na pessoa do seu presidente, desembargador Marco Villas Boas, diplomou o governador eleito e o vice-governador Wanderlei Barbosa (PHS).

Depois de receberem o diploma, que atesta o resultado da eleição, os dois seguiram para a Assembleia Legislativa para tomarem posse nos respectivos cargos.

Com a renúncia de ambos para assumirem os cargos de Governador e vice-governador, os suplentes Solange Dualibe (PT) e Stalin Bucar (PR) assumem os assentos na Assembleia Legislativa. Em razão de Carlesse ocupar, também, o cargo de presidente da Casa da Leis, assumirá definitivamente o cargo, a vice-presidente, Luana Ribeiro (PSDB).

Durante discurso de posse, o governador disse que tem sido um período de aprendizado e destacou a mudança da “vida empresarial” para a política. O mandato de deputado foi o primeiro cargo eletivo de Carlesse.

“Quando eu cheguei na Assembleia, nunca tinha tido nenhum cargo e nunca tinha sido nem síndico de prédio […] Fico feliz pelo tempo que passei e por estar hoje no executivo. Precisamos do legislativo e dos demais poderes para conduzir esse estado e fazer com que seja um estado que o povo possa se sentir protegido e importante”, disse durante o discurso.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.