Principais personalidades da política goiana comemoram os 40 anos do Jornal Opção

Líderes partidários e gestores públicos atestam que, nos últimos anos, publicação exerceu grande influência e credibilidade no cenário político, cultural, social e econômico de Goiás e do Brasil

Frederico Vitor

O Jornal Opção, desde 1975, é leitura obrigatória das manhãs de domingo de líderes políticos, parlamentares, prefeitos, advogados e formadores de opinião. Sediado em Goiânia, o raio de influência do semanário excede as divisas territoriais da capital, estabelecendo como referência para as principais cidades de Goiás, com repercussão em outros Estados e no Distrito Federal. De linha editorial diferenciada, no que tange à primazia da análise dos fatos, o prestígio da publicação, que tem como ênfase a política, economia e cultura, foi construída ao longo dos últimos 40 anos pela insistência do jornalista Herbert Moraes Ribeiro.

Nos 40 anos de existência da publicação, os principais protagonistas da política de Goiás prestam reverência ao Jornal Opção. Eles ressaltam que o veículo exerce fundamental papel no enriquecimento do jornalismo e da democracia goiana e brasileira. As personalidades ouvidas fizeram questão de destacar que o Opção sempre abriu espaço às opiniões divergentes, privilegiando a linha editorial cuidadosa na análise dos principais acontecimentos políticos, culturais, empresariais e sociais.

mpMarconi Perillo: “Jornal Opção amplia as possibilidades de um mundo diversificado”

O governador Marconi Perillo (PSDB) afirma que o Jornal Opção exerce, com vigor, rigor e qualidade, papel de fundamental relevância no cenário político, cultural, social e econômico de Goiás e do Brasil. Segundo ele, com a internet, o veículo se expande com tais requisitos para o mundo todo. Direcio­nado a um público de formação mais acurada, com um texto atento e criterioso, o chefe do Executivo estadual ressalta que a publicação se insere socialmente, opinando de forma consistente sobre os mais variados assuntos.

Para Marconi, o jornal sempre manteve opinião fir­me e atenta em de­fesa das posições que acredita serem as melhores para o desenvolvimento social e em defesa da liberdade com responsabilidade. Marconi destaca no veículo, os noticiários político e cultural. Segundo ele, o primeiro oferece indispensáveis análises e contextualizações. O segundo, o aprofundamento, a avaliação e a pormenorização necessários à verdadeira compreensão das produções culturais.

Segundo Marconi, o semanário amplia as possibilidades em um mundo que constantemente se diversifica. Ele reitera que, quando um jornal completa 40 anos de existência, mostra que o País, o Estado e a sociedade consolidaram seus princípios democráticos, o pleno exercício de direitos e a acurada atenção aos deveres. “A permanência de um meio de comunicação como o Jornal Opção por um período como este nos faz ter a certeza de que caminhou com perfeição, que combateu o bom combate, que alcançou seus propósitos com maestria, que soube se superar com altivez os percalços que se interpuseram, e se consolidou como um organismo respeitado”, diz.

Marconi afirma ainda que a influência e credibilidade do Jornal Opção, construídos ao longo desses 40 anos de história, são resultado do comprometimento, da dedicação e do profissionalismo de sua direção e de seus colaboradores. O governador ressalta que, nesta jornada, dezenas de profissionais, entre editorialistas, articulistas, jornalistas, fotógrafos, editores e artefinalistas do presente e do passado, deixaram sua contribuição e estilos registrados no jornal.

“Em nome do fundador Herbert Moraes e de Patrícia Moraes, que colabora para que sua obra siga adiante, felicito a direção da empresa por sua visão estratégica e de futuro no mercado da comunicação. E em nome do editor-geral Euler de França Belém, parabenizo a toda a equipe de profissionais que fazem do Jornal Opção leitura obrigatória, sem a qual não temos como compreender plenamente a realidade social, econômica, política e cultural de nosso Estado e do País”, ressalta Marconi.

paulo_garcia (13)Paulo Garcia: “Publicação é uma alternativa para os leitores”

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), afirma que o jornalismo, quando bem pautado e realizado, tem um papel essencial na mediação entre os poderes constituídos e a sociedade. Segundo o chefe do Executivo municipal da capital goiana, o Jornal Opção se mostra relevante neste contexto, por abrir espaço para o debate político e para a divulgação das manifestações culturais de Goiás, o que, em suas palavras, fortalece a democracia.

Para Paulo Garcia, o Jornal Opção, pelas mãos e inteligência de seus profissionais, se tornou alternativa para os leitores que buscam se informar e aprofundar nas discussões sociais e nas decisões e diretrizes governamentais adotadas pelos líderes políticos.

O prefeito ressalta que o semanário é um marco para o jornalismo goiano e para a liberdade de imprensa, pois noticia fatos relevantes, incentivando a difusão de múltiplos pontos de vista e o debate, promovendo, por fim, a troca de ideias. “Deixo aqui o meu reconhecimento pelo importante serviço prestado à sociedade nesses 40 anos do Jornal Opção e, ao mesmo tempo, desejo aos seus brilhantes profissionais, anos e anos de sucesso”, diz.

IMG_5821Aguimar Jesuíno: “Trata-se de um órgão de imprensa dos mais importantes”

O presidente metropolitano do Rede Sustentabilidade, Aguimar Jesuíno, afirma que o Jornal Opção representa um instrumento da democracia goiana, que sempre abriu espaço para todas as correntes. Para ele, o veículo ouve a oposição de qualquer governo, com respaldo aos movimentos sociais e estudantis. “Trata-se de um órgão de imprensa dos mais importantes que Goiás tem para defender o Estado democrático de direito e as liberdades de imprensa e de expressão”, diz.

Aguimar Jesuíno lembra que, quando candidato ao Senado pelo PSB, nas eleições de 2014, o jornal deu espaço igualitário para todas as candidaturas e partidos políticos. Segundo ele, o gesto foi um marco importante naquele processo eleitoral. “Lembro-me do Opção na Constituinte, na luta pelas Diretas e demais co­berturas exemplares. Por­tanto é um jornal de extrema importância ao nosso Estado e País.”

IMG_0140Hélio de Sousa: “Jornal traduz os fatos como eles são”

O presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado Hélio de Sousa (DEM), diz que ao longo de sua história, o Jornal Opção firmou-se como um informativo que traduz os fatos como realmente são. Segundo o parlamentar, a linha editorial do periódico reforça a preocupação com o debate público de qualidade. “O Opção contribui de maneira decisiva para a formação da opinião pública de Goiás e do País, ao mesmo tempo em que reforça o papel do jornalismo como instrumento de manutenção da democracia”, afirma.

vilmar_rocha (3)Vilmar Rocha: “Jornal Opção é um veículo de análise”

O secretário estadual de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos, Vilmar Rocha (PSD), afirma que não é fácil manter um órgão de comunicação durante 40 anos. Ele diz que o Jornal Opção tem uma característica marcante, ou seja, é um veículo de a­nálise, não so­mente voltado apenas para dar a notícia. “Este nicho analítico e cultural-histórico é uma marca muito forte do semanário”, diz.

Vilmar Rocha afirma que, com a internet, as características do veículo foram reforçadas. Para ele, com as notícias que se obtém pela internet não aprofundam nos fatos, algo que a publicação se especializou, diferenciando-o dos demais veículos. “O que precisamos é da boa análise e o Opção proporciona isso a seus leitores”, afirma.

Vilmar Rocha diz que a liderança de Herbert Moraes e de Patrícia Moraes Machado, aliados a capacidade intelectual de Euler de França Belém, como editor-chefe e editorial, é um ponto muito marcante e diferencial do Op­ção. “Atualmente os jornais diários en­fraqueceram muito a figura do diretor de redação. Mas o Jornal O­pção segue o contrário, tendo como marca seu perfil editorial.”

IMG_8666Eduardo Machado: “Jornal Opção pauta a imprensa goiana”

O presidente nacional do PHS, Eduardo Machado, afirma que sempre que concede entrevistas a rádios e jornais da capital e do interior de Goiás, nota claramente que o Jornal Opção pauta a imprensa goiana. Segundo ele, todos os companheiros de partido, vereadores, prefeitos e dirigentes municipais da legenda que preside nacionalmente, repercutem as principais notícias veiculadas no jornal. “Não tenho dúvida de que, atualmente, a publicação é o principal meio de comunicação da questão política de nosso Estado.”

jayme_rincon (5)Jayme Rincón: “Publicação influencia sobremaneira a cena política em Goiás”

O presidente da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), Jayme Rincón (PSDB), diz que o Jornal Opção, nestes últimos 40 anos, noticiou e analisou com isenção os principais fatos políticos de Goiás. Para ele, as a­nálises sempre tiveram firmeza e transparência, fazendo um jornalismo de vanguarda e diferenciado em Goiás.

Segundo Jayme Rincón, o semanário influencia sobremaneira a cena política em Goiás. E diz que, na era da internet, o Opção mais uma vez saiu na frente com um jornalismo ágil e moderno. Já na área cultural, o presidente da Agetop ressalta que o veículo sempre concedeu um espaço diferenciado em suas páginas, apoiando os principais movimentos culturais de Goiás.

Para Jayme Rincón, o semanário é de suma importância na formação de opinião de leitores de visão crítica: “Numa época em que vemos os veículos de comunicação, em especial os jornais, perderem espaço no conjunto da mídia nacional, o Jornal Opção se firma a cada dia como um veículo de credibilidade, que pauta os principais temas de Goiás. O Opção, por meio de matérias bem elaboradas, colunas com diversas linhas de pensamento e editoriais que expressam suas opiniões com firmeza e clareza, defendendo posições e temas de interesse de nosso Estado, chega aos 40 anos com muita força e credibilidade.”

thiago_peixoto (7)Thiago Peixoto: “Opção é um marco na imprensa goiana”

O secretário estadual de Gestão e Pla­ne­ja­mento, Thiago Peixoto (PSD), afirma que o Jor­nal Opção é um marco para a imprensa goiana. Ele diz que, ao longo de suas quatro décadas de existência como um semanário crítico, tem proporcionado a seus leitores uma análise aprofundada da política, além do factual e do superficial.

De acordo com Thiago Peixoto, a publicação sempre deu respaldo à cena cultural, com cobertura especializada e cuidadosa do as­sunto. Para ele, a densidade do seu caderno cultural é significativa e um grande diferencial no Estado. “A atenção à literatura, por exemplo, é digna de aplausos”, afirma.

Outro ponto importante ressaltado pelo secretário é a sua atualização: “O Opção não ficou parado no tempo. Ele mantém o seu viés profundo na edição im­pressa e se atualizou na versão digital. Quando se fala em jornal on-line em Goiás, a principal referência é o Opção”, diz.

biteLuiz Bittencourt: “Seu sucesso advém do pluralismo das análises e da seriedade de sua linha editorial”

O ex-deputado federal, estadual e atualmente pré-candidato a prefeito de Goiânia Luiz Bittencourt (PTB) lembra que, desde jovem, ainda na universidade, é leitor assíduo do Jornal Opção. Seu pai, o professor, advogado, jornalista, escritor e político José Luiz Bittencourt foi colaborador do semanário, assim como seus irmãos José Luiz Bittencourt Filho, Paulo Tadeu Bittencourt e João Bosco Bittencourt.

De acordo com Luiz Bitten­court, antes de completar 40 anos, o Jornal Opção já se consolidava como um dos mais importantes fóruns de debate na imprensa em Goiás e do País. Segundo ele, a importância da publicação não se restringe apenas a abrir seu espaço para o embate político-ideológico, mas também por aprofundar discussões em torno de temáticas culturais, econômicas e sociais. “A principal razão para o sucesso do Jornal Opção é o pluralismo das suas análises, a seriedade que desde sempre baliza sua linha editorial e, acima de tudo, o respeito aos seus leitores”, afirma.

“É importante destacar também que o Jornal Opção foi um dos veículos de comunicação que melhor se adaptaram à internet em Goiás, reforçando a vocação desta publicação para o pioneirismo e o vanguardismo. Meus parabéns, em especial ao fundador Herbert Moraes Ribeiro, ao editor Euler Belém, um dos mais competentes, cultos e pre­parados jornalistas do Brasil, e à Patrícia Mo­raes, herdeira do talento e da inteligência de seus pais.”

Na foto Daniel Vilela Crédito: Renan Accioly Data:11/06/13

Na foto Daniel Vilela
Crédito: Renan Accioly
Data:11/06/13

Daniel Vilela: “Jornal Opção tem evoluído com o modo como consumimos informação”

O deputado federal Daniel Vilela (PMDB) afirma que em seus 40 anos de publicação, o Jornal Opção tem evoluído com as ferramentas e no modo como os leitores consomem informação.

Para o parlamentar peemedebista, o veículo se mostra atento com as notícias em tempo real em seu site e, no impresso, mantém uma característica preciosa ao noticiário político.

“É um jornal de perspectiva que sempre teve o cuidado em abordar acontecimentos políticos com destacada profundidade”, diz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.