Em Trindade, PSDB reúne-se com 18 partidos

Representantes de várias legendas estiveram reunidos para traçar o planejamento para a sucessão municipal. O que apenas um encontro acabou se tornando uma reunião muito produtiva, segundo o prefeito Jânio Darrot

Prefeito Jânio Darrot fala a aliados: “Fizemos muito e vamos continuar trabalhando da mesma forma por Trindade”

Prefeito Jânio Darrot fala a aliados: “Fizemos muito e vamos continuar trabalhando da mesma forma por Trindade”

Fábio PH
Especial para o Jornal Opção

Em ação da executiva municipal do Partido da Social Democracia Bra­si­leira (PSDB), coordenada pelo presidente e ex-prefeito de Trindade Roberto Monteiro e pelo secretário-geral, pastor Paulo Ave­li­no, 18 legendas — PCdoB, PEN, PHS, PMN, PP, PPL, PPS, PRP, PRTB, PSB, PSC, PSD, PSDB, PTB, PTdoB, PTN, PV e SD — estiveram reunidas na quarta-feira, 20. “Estamos abrindo as conversações para o nosso grande desafio do ano, as eleições que se aproximam. É um prazer recebê-los em minha residência”, disse Roberto aos representantes.

Falando em nome dos presidentes das siglas sobre o presente ano, difícil economicamente, o do PSD regional e ex-prefeito da cidade em três mandatos, Valdivino Chaves, ressaltou a importância de uma base aliada, forte e unida. “Temos um comandante, uma reeleição natural de Jânio. Obviamente será necessária uma reunião de cada legenda com ele, em função das particularidades de cada uma. Mas estamos começando muito bem o ano, com essa qualificada e prestigiada reunião. Parabéns pelo êxito da mobilização”, elogiou Valdivino.

Rui Alves, presidente do PCdoB, militante educacional, declarou que o partido apoia a reeleição de Jânio Darrot em função do excelente trabalho feito em Trindade em favor da Educação. “Antes de Jânio, a luta foi árdua com os ex-prefeitos para que pagassem o Piso Salarial Nacional da Educação e éramos desrespeitados. Nada era cumprido. Com ele, foi diferente e os valores foram reajustados. Esperamos que o senhor continue dando valor à área e cumpra o que já está estabelecido para este ano”, pontuou, muito aplaudido, Rui Alves.

Jânio Darrot abriu sua fala sobre as dificuldades financeiras que serão enfrentadas. “O grupo Votorantim e a Mitsubishi fechando as suas unidades e demitindo milhares de pais de família em Goiás. Este foi nosso cartão de visita para 2016”, disse. Sobre a eleição, o prefeito colocou seu nome à disposição para reeleição, mas frisou que este é um processo natural e nada será imposto. “Vamos abrir o leque, se aparecer alguém com maior densidade eleitoral, que corresponda melhor às vontades da população, estarei disposto a trabalhar da mesma forma.

“Momento certo”

Continuando, disse o prefeito: “Desloquei-me até esta reunião achando que era apenas um encontro, mas ela foi muito produtiva, tecnicamente falando. Comparado aos outros pleitos, será um período eleitoral rápido, com 45 dias. Muito importante afunilarmos, agora, o nosso planejamento de trabalho. Não participei de nenhuma eleição fácil e tenho certeza de que esta também não será. Mas também estou certo de que seremos muito competitivos em função daquilo que temos para apresentar à população”, afirmou.

Ele falou também que os adversários políticos vão dizer que a equipe trabalhou apenas neste ano, o que é uma inverdade. “Pegamos esta cidade totalmente fora dos eixos. Desde os nossos primeiros meses de governo, pavimentamos bairros — 13 receberam o benefício; construímos e reformamos escolas; cuidamos dos profissionais da educação e muito bem dos alunos. Temos escolas que são referência no Estado; reabrimos um hospital que estava ruído e abrimos uma competente unidade de saúde 24 horas, a do Setor Cristina; fizemos 40 mil novos cartões do SUS nestes três anos, em função dos habitantes voltarem a acreditar na saúde municipal; todos os nossos postos têm médicos, medicamentos, técnicos, equipamentos e foram reformados. Enfim, temos um grande legado de obras e serviços para apresentar ao crivo popular. Desejo sorte, preparação e muito profissionalismo na caminhada. Caso seja consolidada nossa reeleição, não daremos tratamento diferenciado para este ou aquele partido. Estaremos todos unidos e preparados para uma vitória contra a possibilidade de retrocesso que destruiu a nossa cidade nas últimas gestões”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.