A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta sexta-feira, 27, operação de combate a invasões em terras de propriedade da União. São dez policiais federais destacados para cumprir dois mandados de busca e apreensão em Goiânia e Bonópolis. Além das invasões, a PF investiga crimes de desmatamento em terras de domínio público e estelionato.

Os investigados são suspeitos de causar danos ambientais às áreas de reserva legal dos assentamentos Água Fria e Zebulândia, no município de Amaralina, no norte do Estado. Para se proteger, mantinham práticas de difundir informações falsas sobre a condição ambiental ou natureza jurídica das áreas, o que ajudou a estimular invasões e desmatamento na região.

As investigações também apontam que eles cobravam valores financeiros por um falso cadastro no Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), a fim de negociar interesse nos lotes, como se fossem proprietários.