Um homem foi preso na manhã desta quarta-feira, 5, suspeito de tentar atear fogo na própria companheira após uma discussão, em Goiânia. Segundo a Polícia Militar (PM), o homem usou uma garrafa de álcool para tentar cometer o crime. 

A mulher, porém, conseguiu fugir e pedir ajuda. Ela sofreu pequenos arranhões no braço. Ao tomar conhecimento do crime, a corporação foi até o local onde se deparou com o suspeito, que já havia ateado fogo no próprio corpo, alterado e trancado dentro do imóvel do casal. 

A corporação, então, iniciou negociações com o homem para que ele se entregasse, momento em que a PM entrou na casa e realizou a prisão. Ele foi encaminhado à delegacia, onde acabou sendo autuado por tentativa de feminicídio. Caso seja condenado, o homem poderá pegar uma pena de até 20 anos de prisão.