A caminhonete de luxo do cantor sertanejo Dan Lellis, que havia sido roubada durante um sequestro-relâmpago, em Aparecida de Goiânia, foi recuperada nesta quarta-feira, 11, durante uma operação da Polícia Civil (PC). O veículo foi localizado na cidade de Confresa, no Mato Grosso. 

O crime aconteceu no dia 27 de agosto deste ano, sendo que os quatro suspeitos já foram presos. A investigação apontou que dois dos suspeitos usavam uniformes e distintivos de policiais no momento do crime, quando ameaçaram o cantor com uma arma de fogo. A vítima foi coagida a transferir R$ 15 mil via PIX aos suspeitos e após a transferência, o grupo fugiu levando a caminhonete do cantor.

Os suspeitos podem responder por associação criminosa, roubo majorado e extorsão qualificada pela restrição da liberdade. As penas podem chegar até 31 anos de reclusão.

Quem é Dan Lellis?

O artista tem 1,1 milhão de seguidores em seu perfil em uma rede social. O cantor se autointitula como “pai do trapnejo”, gênero musical que mistura hip hop com sertanejo universitário.

Dan Lellis divulga clipes de músicas e parcerias gravadas com cantores famosos, como João Bosco e Gabriel, Lucas Lucco e Hungria. Uma das músicas famosas do cantor tem mais de 132 milhões de visualizações na internet.

Em 2020, o cantor foi preso suspeito de tráfico de drogas após ser flagrado com drogas, dinheiro e uma lista com nomes de supostos clientes, segundo informou a Polícia Civil (PC) na época. Ele foi abordado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR-60, em Alexânia, no Entorno do Distrito Federal, enquanto dirigia um carro de luxo. Dan Lellis foi solto dois dias depois da prisão, no mesmo dia em que a Justiça determinou que ele fosse colocado em liberdade.