Do poeta espanhol Pedro Calderón, “A Vida é Sonho” ganha os palcos do Basileu França

No ano de 1635, estreava na Espanha a peça de Pedro Calderón de la Barca “A Vida é Sonho”. O texto do dramaturgo e também poeta espanhol narra as aventuras de Segismundo, o filho renegado do rei da Polônia que, ao nascer, é trancafiado numa torre. Sua história ganha vida novamente numa adaptação do Técnico em Arte Dramática, Música, Dança e Artes Visuais do Instituto Tecnológico de Goiás Basileu França. Com participações especiais de atores, músicos e bailarinos convidados, a peça, dirigida por Rubens Rodrigues, será apresentada na terça e quarta-feira, 26 e 27 de outubro, nos palcos do Teatro Basileu França, às 20h. Os ingressos custam R$ 15, a meia-entrada.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Adalberto De Queiroz

Por que não estender até o fim-de-semana?! :-(