A Academia Feminina de Letras e Artes de Goiás (AFLAG) empossa na sexta-feira, 30, a procuradora Ivana Farina Navarrete Pena. A integrante do Ministério Público de Goiás (MPGO) ocupará a cadeira n° 18, que tem Honorina Barra de Souza com patrona. O evento será realizado às 9h no auditório do Instituto Historio e Geográfico de Goiás.

“Para mim, representa uma grande honra a admissão do meu nome para integrar uma casa de elevadas tradições culturais e artísticas. Minha intenção é contribuir com os objetivos da academia, sobretudo na produção e difusão da cultura e do conhecimento”, comemorou Ivana após os resultados.

A nova integrante da AFLAG é a primeira mulher do âmbito da literatura e obras jurídicas a integrar o grupo. Ela possui várias obras publicadas sobre equidade de gênero e participação feminina em espaços de poder e produção cultural. Lembrando que a casa é formada apenas por mulheres goianas com o objetivo de incentivar a cultura.

Além da procuradora do MPGO, a instituição também definiu na mesma votação outras duas cadeiras que estavam desocupada. Também foram eleitas Cláudia Carvalho Machado e Goiana Vieira da Anunciação.

Leia também:

Ivana Farina é eleita para Academia Feminina de Letras e Artes de Goiás

Dois goianos estão cotados para indicação ao STJ