Segundo a imprensa francesa, o jovem atacante do Paris Saint-Germain Mbappé já teria anunciado para a diretoria a data da sua possível saída do clube. O jogador quer ser negociado em janeiro de 2023, dois anos antes do fim de seu contrato.

Segundo o jornal espanhol Marca, Mbappé teria se sentido enganado pela diretoria do PSG, já que uma das suas exigências – talvez a principal delas – para renovação de contrato era a saída imediata do brasileiro Neymar.

Atualmente Mbappé é o jogador mais bem pago do mundo e, diante disso, quer ser o principal nome e líder indiscutível no projeto do clube. Em seu caminho, porém, está o craque brasileiro.

Diante da exigência, o PSG até tentou negociar Neymar com outros clubes, mas o salário altíssimo se tornou barreira para negociações. Outro fator importante nessa discussão foi que logo após a renovação do craque francês Neymar ativou automaticamente uma cláusula em seu contrato que estende seu vínculo com o clube até 2027. Para Mbappé, isso foi a gota d´água.

Neymar e Mbappé vem se digladiando já há algum tempo. A tensão se intensificou com a chegada do amigo do brasileiro vindo do Barcelona, Messi.

O problema, é que, atualmente o PSG parece ter cacique demais para pouco índio. Até agora, Mbappé tem se mostrado o cacique mais eficiente nos jogos: são 12 partidas nessa temporada, com 11 gols marcados.

*Cilas Gontijo é estagiário do Jornal Opção em convênio com a UniAraguaia, sob a supervisão do editor PH Mota.