Durante a participação no podcast Inteligência Ltda. nesta quinta-feira, 20, comandado pelo apresentador Rogério Vilela, o presidente da República e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), prometeu aumentar o salário mínimo acima da inflação em 2023. Segundo o governante, caso consiga vencer as eleições, ainda haverá reajuste para funcionários públicos. Todas as medidas também teriam o aval de Paulo Guedes, ministro da economia.

“Agora há pouco o Paulo Guedes anunciou que ano que vem terá aumento real do mínimo e para servidor público também”, afirmou Bolsonaro, durante o programa que contou com a audiência de 1,7 milhão de pessoas acompanhando ao vivo. “Por exemplo, a inflação foi 5%. Você vai dar 6%, no mínimo, pode dar 7%, pode dar 8%. (…)Vai ter aumento real, mais do que a inflação”, completou.

Bolsonaro ainda comentou sobre o deputado federal André Janones (Avante-MG) que teria divulgado informações falsas sobre redução do salário mínimo, segundo o chefe de Estado. “Não tem cabimento diminuir o salário-mínimo. Não existe isso. Quem votaria uma proposta para diminuir o salário-mínimo? Então, foi uma fake news pregada por aquele mesmo cara, um tal de Janones, que é o garoto propaganda, o marqueteiro do Lula”, disse o presidente.

Ainda na quinta-feira, Guedes disse que o Governo estuda desvincular o reajuste do salário mínimo e das aposentadorias do índice de inflação do ano anterior. Porém, afirmou que não seria para reduzir o ganho real. Mais tarde, o Ministério da Economia explicou que a correção será no mínimo com base nos valores da inflação.