O Ministério da Educação (MEC) informa que Denise Pires de Carvalho, secretária de Educação Superior do MEC, assumirá a presidência da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). A professora e pesquisadora substituirá Mercedes Maria da Cunha Bustamante, a quem o Ministério agradece a contribuição ao longo dos 12 meses em que presidiu a fundação, além de desejar sucesso à nova presidente.

Denise Pires foi reitora da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) de 2019 a 2023 e, desde o início do ano passado, ocupa o cargo de secretária de Educação Superior do MEC. Professora titular do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Denise é livre docente em Fisiologia e Biofísica pela Universidade de São Paulo (USP) e pesquisadora 1A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Médica pela UFRJ em 1987 (diploma cum laude), mestre em Ciências Biológicas – Biofísica (1989) e doutora em Ciências (1994) pelo Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho. A nova presidente da Capes tem pós-doutorado no Hôpital de Bicêtre, Unité Tiroïde, de Paris (França), e na Universitá Degli Studi di Napoli, de Nápoles (Itália). 

Denise é membro titular da Academia Brasileira de Ciências e da Academia de Medicina do Rio de Janeiro (AMRJ) e representante da América Latina no Steering Committee da Talloires Network of Engaged Universities. Foi vice-presidente regional da Inter-American Organization for Higher Education (2021-2023), vice-presidente da Conferência Regional de Reitores das Universidades Latino-Americanas (2021-2023) e presidente do Grupo de Cooperação Internacional de Universidades Brasileiras (2020-2022), entre outras posições de representação, com ampla experiência na gestão universitária e em sociedades científicas e médicas nacionais e internacionais. Também foi diretora e vice-diretora do Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho (2007-2013).