A influencer cearense Catty Lares disse que desistiu de fazer a transição para mulher trans, reassumiu seu nome de batismo, Carlos Emanuel, e voltou para a igreja evangélica. Após três meses longe das redes sociais, das quais apagou quase todos os posts, o ex-trans comentou a nova fase em novos vídeos.

Em uma das gravações, Carlos Emanuel aparece tendo seus longos cabelos cortados, enquanto um pastor comenta a mudança. “A irmã Fabíola até já está de olho. Já tem uma pretendente, meu amigo. Ela já quer entregar o currículo”, diz o religioso para Carlos Emanuel, que sorri, bate palmas e responde: “Ô glória!”.

Entre os seguidores, o maior impacto foi a mudança no visual. Catty Lares deixou as vestes femininas e apareceu com roupas masculinas. Na quinta-feira, 18, quando retornou ao perfil do Instagram, o ex-trans afirmou que iria abandonar a transição e relatou que a decisão foi tomada após “sentir a presença de Deus em um culto”.

Processo de ‘destransição’.

Na quinta-feira, 18, em publicação no Instagram, ele reforçou a decisão de retornar para a igreja. “Venho confessar publicamente o meu amor por Jesus. Te amo, Deus. Quem, pois, me confessar diante dos homens, também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus”, escreveu na legenda do vídeo.

Em outro relato, Carlos Emanuel compartilhou nova experiência após um culto. “Entrei no meu quarto e comecei a chorar e fiquei sem entender. Naquele momento, eu senti a presença de Deus como eu nunca tinha sentido. E Deus falava no meu coração: pega o celular, fala, a hora chegou”, postou.