Elder Dias

Overdose de mesas redondas

Tiago Leifert: bom humor, mas pouca profundidade no debate | Foto: Globo.com

Tiago Leifert: bom humor, mas pouca profundidade no debate | Foto: Globo.com

Em época de qualquer Copa, os canais que trabalham com esporte têm de se desdobrar para atender à sanha do espectador, que quer se informar— e na verdade, à demanda que eles próprios se impõem. Imagine, então, se a Copa é no Brasil, como ocorre desta vez.

Como era de se esperar, há uma overdose de mesas redondas, principalmente nos canais por assinatura. Algumas com teor mais técnico, convencionais, outras totalmente escrachadas. Ou seja, públicos para todos os estilos. Na Globo, o “Central da Copa” o formato de trazer convidados diversos faz com que vire uma espécie de “Altas Horas” sem Serginho Groisman. Como o público geral é pouco exigente com relação à crítica, predominam chistes e amenidades, comandados pelo bom (embora over muitas vezes) Tiago Leifert .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.