O cachorro Sebastian ganha currículo para ajudá-lo a ser adotado

“Sou muito habilidoso com as redes sociais, mas peço-lhes para me ajudarem a compartilhar meu CV para ver se tenho mais sorte entre seus contatos”

Candice Marques de Lima

Os animais têm inteligência, sentimentos e linguagem. O uso de instrumentos, como no caso de macacos, e o reconhecimento de sua própria imagem, como os elefantes, são classificações que os humanos criaram para definir sua inteligência. Pois não dominam as línguas humanas, embora se comuniquem conosco e entre si.

Com aquelas características, os animais aprendem e acumulam experiências. E foi com esse conhecimento que a Red 4 Patas, de Buenos Aires, Argentina, criou um currículo para um cão — Sebastian — que está em busca de uma família que o ame. Criaram um texto para ele em primeira pessoa, dizendo em língua espanhola o que precisa e contando: “Sou muito habilidoso com as redes sociais, mas peço-lhes para me ajudarem a compartilhar meu CV para ver se tenho mais sorte entre seus contatos”.

No Curriculum Vitae de Sebastian conta-se de suas habilidades, o idioma em que se comunica, seus interesses e educação, além de suas experiências profissionais.

Espero que Sebastian encontre essa família, pois como ele mesmo diz: “Só peço uma família. E amor. É muito? Creio que não…”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.