Euler de França Belém
Euler de França Belém

Moralismo domina a mídia e as novas vítimas são Anderson Silva e sua suposta amante, Taiz Lelis

Philip Roth, autor do romance “A Marca Humana”, na qual ecoa o escândalo que envolveu Bill Clinton e Monica Lewinsky, se não tivesse parado de publicar, poderia escrever um livro sobre o Brasil com o título de “O Moralismo Está no Ar” ou, quem sabe, “A Imprensa Patropi Copia o Puritanismo Americano”. Há, de fato, uma onda moralista no País. Primeiro, uma jornalista insinuou que o ex-jogador Raí e o apresentador de televisão Zeca Camargo mantinham um relacionamento homossexual. Tudo indica que o relacionamento é uma ficção criada por alguém que se apresenta como repórter. Porém, mesmo que fosse verdade, qual é o interesse em expor uma relação que interessa no máximo, talvez, a duas pessoas? Em seguida, quando noticiaram que o goleiro Rogério Ceni, do São Paulo, teve um filho fora do casamento, e que havia mantido um caso longevo, a patrulha moralista saiu da toca e começou a atacá-lo. O jogador deixou de ser um cidadão exemplar porque teve um filho extracasamento? No caso, Rogério não deixou de ser um homem sério devido a isto. Mas foi condenado e execrado por setores da mídia. Agora, chegou a vez do grande lutador de MMA Anderson Silva, que teria uma amante.

O atento colunista Leo Dias publicou no jornal “O Dia” — seguido pelo portal R7 — uma nota, sob o título de “Escândalo sexual abala a carreira do lutador Anderson Silva”, na terça-feira, 9. Ter uma amante é mesmo um escândalo sexual? Relata o repórter, autor de vários furos sobre famosos: “Sua mulher, Dayane Silva [ao lado de Anderson Silva, na foto acima], com quem é casado há mais de 20 anos, descobriu mais uma recente traição do marido. Dessa vez com uma moça chamada Taiz Souza Lelis”. Não teria sido interessante ouvir Anderson Silva, Dayane Silva e Taiz Souza Lelis? A nota sequer diz que foram procurados.

Segundo Leo Dias, Dayane Silva estaria exigindo “o fim do romance” de Anderson Silva, o Spider Man, e ameaçando “fazer um grande escândalo”. A mulher do lutador teria sido ouvida?

“A vida sexual de Anderson sempre foi bastante movimentada: muitas amantes fizeram parte de sua vida”, afirma o jornalista. Pode ser verdade? Pode. Mas cadê os nomes, as evidências? Depois, e se for verdade, o que muda na vida e na carreira de Anderson Silva? Ele sempre lutou muito bem, independentemente de sua vida sexual ser muito ativa ou não.

“A imagem de bom pai, bom marido e campeão, enfim, está prestes a cair por terra”, garante Leo Dias. Será que isto é apenas uma opinião, gratuita, ou uma verdade incontestável? Será que, por ter uma namorada, Anderson Silva deixou de ser “bom pai”? Improvável, por certo. Será que não voltará ser campeão por que teria uma amante? Se estiver em forma, se estiver bem psicologicamente, Anderson Silva tem condições de vencer tanto Chris Weidman quanto Victor Belfort.

Há informações que precisam se nuance. “Os patrocinadores estão insatisfeitos com o lutador, que chegou a ser campeão mundial dos pesos médios do UFC, mas não tem mais perspectiva de ascensão”, anota Leo Dias. Primeiro, não há notícia de que os patrocinadores estejam insatisfeitos com Anderson Silva. Segundo, se vencer Nick Dias de maneira convincente, não será surpresa se for colocado para disputar o título contra Chris Weidman ou, no caso de vitória deste, Victor Belfort. “Aos 39 anos, Anderson reluta em se aposentar”, escreve Leo Dias. Não é bem assim. Os dirigentes do UFC sabem que Anderson Silva ainda rende muito pague-pra-ver e, por isso, ainda não querem a sua aposentadoria. É provável que Leo Dias não esteja acompanhando o mercado das lutas. Dana White está chamando de volta lutadores mais velhos, porque os mais novos não estão empolgando. Anderson Silva ainda é uma estrela e não se dispensa um lutador de sua categoria de uma hora para a outra.

Os informantes de Leo Dias não parecem muito categorizados, pelo menos não em termos gerais — podem ser que estejam certos em um ou dois aspectos —, mas o que mais impressiona é o moralismo da notícia. A função do jornalismo, se o jornalismo tem alguma função, não é ditar normas de conduta, não é pautar ou nortear comportamentos.

 

 

 

 

2 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Pablo

Vi hoje a matéria na capa de um jornal de quinta categoria. Foi um atentado gratuito contra a dignidade de um idolo brasileiro e mito internacional.
Esse tipo de auto-intitulado Jornalista, deveria começar estudando os limites da ética de sua profissão.
É lamentável assistir um redator (não mais que isso) no auge de seu desespero em busca de capas e furos de reportagens, sem ser no mínimo observado pelo editor chefe de seu veículo.
Jornal O Dia, esse deve ser o início do seu fim.

Jonas Rimmer

Queira o autor do artigo queira, quer não, a Sociedade tem padrões de moral. Esses padrões estão sendo atacados diuturnamente, por pessoas interessadas em transformar a Sociedade em um grande vale tudo. É dever de cada um lutar pela manutenção dos padrões sociais, por Deus e pela Família Tradicional.

Rodrigo Cardoso

Olha não é que existem pessoas sensatas, Brasil ?