Euler de França Belém
Euler de França Belém

Livro revela a história “secreta” da rendição japonesa na Segunda Guerra Mundial

Mesmo com o fim da batalha na Europa, o Japão resistiu brava e, até, irracionalmente. Livro resgata a história de como os japoneses se renderam

No livro “A Segunda Guerra Mundial” (Record, 952 páginas, tradução de Cristina Cavalcanti), o historiador britânico Antony Beevor assinala que a batalha pode ter começado, em 1935, com a crise entre a China e o Japão. Antes de setembro de 1939, quando a Alemanha de Adolf Hitler invadiu a Polônia. Como os acontecimentos na Ásia são pouco conhecidos, não se dá muita importância ao que o categorizado Beevor apontou.

Max Hastings, historiador inglês, observa que, quando os Estados Unidos jogaram duas bombas atômicas, uma em Nagasaki e outra em Hiroshima, o Japão, embora fragilizado, ainda estava em guerra. Resistia tão brava quão irracionalmente. As bombas trouxeram a razão de volta aos dirigentes do país. Mas como se deu efetivamente a rendição japonesa? Há livros sobre o assunto, mas Lester Brooks promete surpreender os leitores com o livro “História Secreta da Rendição Japonesa em 1945 — Fim de um Império Milenar” (Globo Livros, 472 páginas, tradução de Joubert de Oliveira Brizida e Gleuber Vieira).

A Globo Livros divulga a sinopse: “É impressionante a história do que ocorreu no Japão naquele quente agosto de 1945. A Segunda Guerra já acabara em maio na Europa com a derrota completa da Alemanha, e tudo levava à certeza mundial de estar selada a derrota japonesa, era só uma questão de tempo. Mas, no Japão, não. Levantou-se o caráter nacional em toda a sua força: ‘Rendição é pior que a morte. Mais digno de nós é morrermos todos!.

Os fatos narrados nesta obra ficaram ocultos e hoje ainda são praticamente desconhecidos no exterior. As semanas agitadíssimas antes da rendição final japonesa, que marcou o fim do vasto império asiático, estão entre os eventos mais dramáticos da moderna história da humanidade. Contar os detalhes fartamente documentados dessa rendição, assim como analisar o papel desempenhado pelos seus principais atores — dentro e fora do Japão —, é o objetivo deste notável livro de Lester Brooks, a mais completa obra sobre o assunto já editada no Brasil”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.