Euler de França Belém
Euler de França Belém

A Destruição dos Judeus Europeus deve ser o principal lançamento do ano

46135454

A Editora Amarilys deve ser louvada pela coragem de publicar, em dois volumes, a edição completa de “A Destruição dos Judeus Europeus” (tradução de Carolina Barcellos, Laura Folgueira, Luís Protásio, Maurício Tamboni e Sonia Augusto), do notável historiador austríaco Raul Hilberg (1926-2007). O livro, de 1664 páginas, pela excelência, pioneirismo de sua documentação e seriedade da interpretação, é fonte dos principais livros sobre o Holocausto.

Sua pesquisa, com dados confiáveis, até hoje é citada e respeitada pelos mais gabaritados historiadores da Segunda Guerra Mundial — como Ian Kershaw, Richard Overy, Max Hastings, Andrews Robert, Robert Gellately, Richard Evans, Antony Beevor, Saul Friedländer (especialistas no Holocausto), Martin Gilbert, Timothy Snyder.

Pode-se dizer que até os números dos mortos nos campos de extermínio foi definido pelo estudo exemplar de Raul Hilberg. O livro, publicado em 1960, guarda o frescor, na exposição e análise do Holocausto, dos melhores livros da atualidade. Custa 340 reais (um pouco mais barato no site da editora) e, acredite, vale.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.