Um asteroide com cerca de 1,3 km de diâmetro vai perto da Terra na noite desta quarta-feira, 15, de acordo com os parâmetros de medidas para eventos espaciais. Conhecido pela indetificação 2005 YY128, o pedaço de rocha irá passar a 4,5 milhões de quilômetros do planeta, o suficiente para que ele seja classificado como Asteroides Próximos da Terra (NEO, na sigla em inglês) e um Asteroide Potencialmente Perigoso (PHA).

A distância é a maior registrada em mais de 400 anos, segundo relatórios do site EarthSky.org. Apesar disso, ela ainda representa cerca de 12 vezes a distância entre Terra e Lua, o que singifica que não há chance de contato do asteroide com o nosso planeta.

Como o nome sugere, o asteroide 2005 YY128 foi descoberto em 2005, por astrônomos do Observatório Kitt Peak, no Arizona, Estados Unidos. Desde então, pesquisadores tem mapeado sua órbita com alta precisão. Pelo seu tamanho e velocidade, caso colidisse com a Terra, provocaria sérios danos.