Vilmar Rocha lança a “administração peripatética”. Ele é secretário das Cidades e Meio Ambiente

“Aristóteles filosofava andando. Eu, agora, administro caminhando”, afirma o ex-deputado federal

vilmar

 

Peripatético é a palavra grega que significa itinerante (peripatéticos: “os que passeiam” em grego). Na Grécia Antiga, Aristóteles criou a escola peripatética, que consistia em filosofar e fazer preleções enquanto caminhava ao ar livre. Professor e um dos principais pensadores do governo Marconi Perillo, o secretário Vilmar Rocha (Cidades, Infraestrutura e Meio Ambiente) tem dito que se inspirou no método do filósofo grego para fazer uma  “administração peripatética”.

vilmar

 

“Tenho saído do meu gabinete e caminhado com frequência pela Secima”, afirma Vilmar Rocha. “Encontro com os servidores nos corredores, no cafezinho ou em suas salas e converso com eles, ouço suas demandas, dificuldades e avanços em projetos”, explica o secretário.

DSC_1708

 

Segundo Vilmar Rocha, socrático por natureza, o método tem funcionado. “Em suas salas ou nos corredores, os servidores se sentem mais à vontade e conseguimos discutir caminhos e alternativas para os problemas”, garante. “Aristóteles filosofava andando. Eu, agora, administro caminhando”, compara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.