Candidato a senador, Vilmar Rocha (PSDB), aproximando-se da casa dos 20% nas pesquisas de intenção de voto — um índice considerado “bom” pelos marqueteiros de sua campanha —, aposta que, contrariando o coro dos contentes, será eleito.

A equipe de Vilmar Rocha avalia que os 33% de Ronaldo Caiado significam um número “inercial” e “fixo”. Frisa que, enquanto o candidato do PSD cresce, Caiado estagnou, permanecendo com os mesmo índices do início da campanha.