A pesquisa Serpes que aponta Gustavo Mendanha (prestes a se filiar ao MDB) na liderança, à frente de Vanderlan Cardoso, mostra que, se o ex-prefeito de Aparecida sair do páreo, o senador do PSD salta para primeiro colocado. Silvye Alves, do União Brasil, aparece em segundo lugar, seguida de Gustavo Gayer, do PL. O vereador Sandes Júnior, do pP, aparece em quarto lugar, bem posicionando, praticamente empatado com o deputado federal bolsonarista.

Silvye Alves: deputado aparece em segundo lugar | Foto: divulgação do União Brasil

Ana Paula do Iris, do MDB, aparece em quinto lugar, à frente do prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, do Republicanos. Em seguida, está Edward Madureira (nesta variável o nome de Adriana Accorsi foi retirado, assim como o de Mendanha e o de Bruno Peixoto).

Gustavo Gayer: deputado federal pelo PL aparece em terceiro | Foto: Câmara dos Deputados

Pesquisadores sugerem que Vanderlan Cardoso, que é candidato desde sempre, é o que corre mais risco. Porque sua liderança não é expressiva e o candidato da base governista ainda não está definido. Assim que for definido (tende a ser Ana Paula do Iris ou Bruno Peixoto, o presidente da Assembleia Legislativa), crescerá, por certo, e tende a polarizar. E a força da máquina e do exército eleitoral pode fazer a diferença.

Sandes Júnior, vereador em Goiânia: quarto lugar | Foto: Lucio Bernardo

A pesquisa foi feita para “consumo interno” e não para divulgação. Por isso, os números não são citados. São mencionadas apenas as colocações dos pré-candidatos. (E.F.B.)

Leia mais sobre a pesquisa do Instituto Serpes