Se eleito, Alexandre Baldy deve ancorar grupo que aposta na renovação política

Baldy visita feira em Anápolis: interlocução com a sociedade

Baldy visita feira em Anápolis: interlocução com a sociedade

Operadores políticos e o meio empresarial já quebram a cabeça para traçar como será o cenário em Goiás após as eleições. Com as pesquisas eleitorais embaixo do braço, a maioria já faz análises tendo como certa a vitória de Marconi Perillo. O próximo passo na leitura do cenário é descobrir que tipo de liderança política sairá fortalecida do processo eleitoral.

Nessas projeções, um nome é citado frequentemente como uma das referências: Alexandre Baldy, o ex-titular da Secretaria de Indústria e Comércio que, neste ano, estreia em eleições como candidato a deputado federal pelo PSDB. Tanto marconistas quanto adversários do governador observam que o jovem empresário é favorito para vencer e também para se firmar como figura preponderante no novo cenário.

 Essa leitura se baseia na equipe profissional que Baldy escolheu para estruturar seu trabalho político e também no seu perfil pessoal, que começa a se tornar mais conhecido pela sociedade. Ninguém pode contestar, por exemplo, que o trabalho da SIC, nos anos em que ele a comandou, foi uma das experiências mais bem-sucedidas no governo Marconi.

 O governador e o próprio Baldy não se cansam de repetir seus resultados na campanha: atração de R$ 31 bilhões em investimentos privados, geração de 215 mil empregos e 7 bilhões de dólares em exportações. Um dado mais recente, publicado na sexta-feira, 22, comprova ainda mais esse sucesso: no último trimestre, a economia brasileira encolheu 0,4%, mas Goiás manteve crescimento de 2,5%.

 É certo que governo, sozinho, não produz crescimento econômico, mas é decisivo: incentivos fiscais, desburocratização, capacitação de empreendedores, organização de cadeias produtivas, interlocução com os diversos segmentos e também com investidores externos. Bingo para quem disser que essas foram tarefas que estavam nas mãos de Baldy e sua equipe.

 Se sair vitorioso das eleições, o ex-secretário reunirá todas as condições para ancorar um dos mais fortes projetos de renovação dentro do grupo marconista. Jovem, bem-sucedido na vida empresarial e na gestão pública e com capital eleitoral, Baldy certamente será um polo de atração de forças que já enxergam a política com um outro olhar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.