Rio Verde tem chance de eleger três deputados estaduais

Karlos Cabral, Leonardo Veloso e Lissauer Vieira

Karlos Cabral, Leonardo Veloso e Lissauer Vieira

Inicialmente, pensava-se que, devido ao excesso de candidatos, Rio Verde não conseguiria eleger nenhum candidato a deputado estadual, ou elegeria no máximo um. Refeitos os cálculos e como alguns candidatos do município mantêm estruturas noutras cidades, é possível que sejam eleitos três candidatos.

O nome mais cotado é o do deputado estadual Karlos Cabral. Por três motivos. Primeiro, irritados com a baixa qualidade da gestão do prefeito Juraci Martins (PSD), os eleitores querem premiar o petista com mais um mandato. Segundo, Cabral está trabalhando em outros municípios. Terceiro, apontado como atuante, pode obter, em vários municípios, o chamado voto de opinião.

O segundo favorito é Lissauer Vieira, do PSD. Por mais que esteja desgastado, Juraci controla a máquina e terá peso decisivo na campanha de Vieira. Este, além da estrutura, é apontado como simpático e atuante. O terceiro nome é o de Leonardo Veloso, do PRTB, apoiado por Júnior Friboi.

Leonardo Veloso, além do apoio de Friboi, é um político articulado e deve obter o apoio de figuras tradicionais da política local. O ex-sócio da JBS aposta no sucesso de seu pupilo.
José Henrique, pré-candidato do PMDB, foi um vereador atuante. O problema é que parte do PMDB local, o de Wagner Guimarães e Paulo Henrique Guimarães, não o apoia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.