Prefeito Zé Antônio derrotou Jovair Arantes e Gugu Nader em Itumbiara

A gestão apagada e a incapacidade de agregar do gestor municipal são responsáveis pelo fracasso dos candidatos que diz ter apoiado

Montagem

Os prefeitos de Goiás foram os grandes derrotados das eleições deste ano. Eles não tiveram peso algum no processo eleitoral. Seus candidatos foram quase todos soterrados. Mas um prefeito saiu mais enfraquecido do que todos — o de Itumbiara, José Antônio da Silva Netto (PTB).

Zé Antônio espalhou na cidade que conseguiria eleger o vice-prefeito, Gugu Nader (PTB), praticamente sem trabalhar. Gugu Nader (cujo nome de batismo é Rubens Augusto Nader) confiou no seu líder, mas, contados os votos, o jovem petebista, mais popular do que o prefeito, jazia no chão — derrotadíssimo. Até humilhado, porque o arquirrival da dupla, o deputado Álvaro Guimarães, se elegeu com certa facilidade e é cotado para ser presidente da Assembleia Legislativa.

A derrota de Gugu Nader deve ser debitada na sua conta? Não. Porque ele trabalhou muito, debateu com a sociedade, fez campanha em outras cidades. Mas a administração fraca de Zé Antônio, sobretudo sua falta de liderança — não se trata mesmo de um herdeiro político de José Gomes da Rocha e possivelmente será derrotado em 2020 —, o contaminou. Pode-se concluir que o principal responsável pela derrota do vice-prefeito é Zé Antônio, especialmente porque é um político que se atrita com outros políticos, por ser autoritário, e não agrega. O ex-prefeito Chico Bala, por exemplo, mantém-se afastado. Porque o prefeito acredita que não precisa dele.

Não se pode debitar a derrota de Jovair Arantes para deputado federal inteiramente à fragilidade política de Zé Antônio (afinal, o petebista foi mal votado em quase todo o Estado). Mas sua promessa, de que o parlamentar do PTB teria um caminhão de votos — teve um Fusca —, foi em vão. Neste sentido, pode-se dizer que Jovair Arantes foi mesmo “enganado”. Os eleitores, que não estão mais “seguindo” Zé Antônio — dada sua gestão pífia —, também deixaram de seguir Jovair Arantes e Gugu Nader.

Resta a Gugu Nader curar as feridas e se preparar para disputar a Prefeitura de Itumbiara contra Álvaro Guimarães, numa espécie de tira-teima. Se a disputa for entre Álvaro Guimarães e Zé Antônio, o primeiro já pode comprar o terno da posse e guardá-lo para assumir a prefeitura no dia 1º de janeiro de 2021.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.