O PMDB bem que tenta se libertar do comando de Iris Rezende. Esperneia, sacode, rebela-se, mas não consegue sair do jugo do velho cacique, que deve presidir a legenda, apesar dos 82 anos de idade e das três derrotas para o governo.