“Mais de 70% dos aliados de Friboi já estão na campanha de Marconi”, diz Robledo Rezende

Frederico Jayme, Robledo Rezende e o governador Marconi Perillo: uma “aliança contra o rancor e o ódio” e em defesa da modernidade | Foto: Fernando Leite

Frederico Jayme, Robledo Rezende e o governador Marconi Perillo: uma “aliança contra o rancor e o ódio” e em defesa da modernidade | Foto: Fernando Leite

Digamos que você está observando um dedo. No dedo há carne e há unha. Pois, em termos políticos, o empresário Júnior Friboi (PMDB) e o advogado Robledo Rezende são carne e unha. Indis­so­ciáveis. A senha para entender quem Friboi apoia para governador de Goiás é simples. Basta perguntar: quem Robledo está apoiando?

“Júnior autorizou nosso grupo político, do qual é o líder, a apoiar o governador Marconi Perillo, que está nos tratando muito bem, de maneira republicana”, afirma Ro­bledo. “Não fizemos nada sem sua autorização. Mais de 70% dos aliados de Júnior já estão na campanha de Marconi.”

Robledo, que já foi candidato a prefeito de Porangatu e é um político experimentado, afirma que está viajando o Estado com o objetivo de arregimentar as forças políticos organizadas por Friboi em apoio à candidatura do tucano-chefe. “Eu não paro um minuto, estou visitando todo o Estado, dialogando com nossos aliados. O quadro político é amplamente favorável a Marconi. Se fizer um trabalho bem feito, pode ganhar no primeiro turno.”

Por que o grupo de Friboi decidiu apoiar Marconi? “Porque é melhor para o desenvolvimento de Goiás. Marconi não tem um projeto baseado no ódio, no rancor [uma referência a Iris Rezende, que odeia o tucano].”

Friboi, que está no Co­lorado, volta para Goiás a partir do dia 25 deste mês. “Ele vai permanecer quieto, acompanhando o desenrolar da campanha. Seu objetivo é disputar o governo em 2018. Portanto, depois das eleições deste ano, vai trabalhar para manter a união da base peemedebista. Nós queremos democratizar o partido, por isso não pedimos desfiliação. O PMDB não pode ter dono. Deve, isto sim, ter militantes e líderes. Júnior reorganizou o partido, oxigenou-o, mas foi atropelado por Iris. Mas, como este não emplacou, Júnior está cada vez mais forte. Os peemedebistas sentem a sua falta.”

Um dos coordenadores da campanha de Marconi, Robledo diz que o ambiente da base governista é saudável. “Os tucanos têm projetos para desenvolver Goiás. E seu ambiente não é carregado como o ligado a Iris Rezende. É uma pena que o PMDB tenha de perder mais uma vez para poder renovar-se de verdade, abrindo espaço para políticos modernos e não ressentidos.”

2 respostas para ““Mais de 70% dos aliados de Friboi já estão na campanha de Marconi”, diz Robledo Rezende”

  1. Avatar Benício David disse:

    Como dar janela para um empresário que não tem a menor história política dentro do PMDB. Até pouco dias era um dos principais colaboradores de campanha do Marconi Perilo. Para ser candidato dentro de um partido como PMDB, PT e outros partidos que não seja de aluguel tem que primeiro fazer história e conquistar a simpatia e confiança da militância.

    • Avatar MCSORBONE disse:

      Se tivessem deixado o Friboi teria iniciado sua história politica em Goiás. No atual cenário é visível que quem entrará para a História será o IRIS, conforme ritmo da campanha…nunca se viu na História de Goiás….um candidato que de tanta simpatia e confiança da militância…..será TRICAMPEÃO em derrotas para a ala MARCONISTA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.