Laudenir Lemes quer ser candidata em Senador Canedo, mas Divino Lemes quer bancar filho

Divino Lemes (PSD) vive um dilema. Ele quer bancar seu filho, Daniel Lemes, para prefeito de Senador Canedo. Mas sua mulher, a ex-deputada Laudenir Lemes, também quer ser candidata.

Daniel Lemes, engenheiro, seria um fato novo, porque não é político, ao contrário de Laudenir Lemes, que já foi deputada estadual, com atuação discretíssima.

Para quem entende que, em política, um pingo é letra, basta verificar que Divino Lemes e Daniel Lemes — cujos prenomes começam com a letra “d” e têm seis letras — estão colados em todos os eventos.

Mais: se for eleita, Laudenir, até para se afirmar como mulher e política, não abrirá espaço para Divino Lemes ser a eminência parda. Já o filho, que não é político, não colocará qualquer obstáculo ao controle do pai. Há até quem o chame de “Divininho” e “Daniel do Divino Lemes”. É até capaz de, nas urnas, registrar este nome, se for possível.

Deixe um comentário