Foto: Reprodução

O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, está furibundo com seus aliados na Câmara. Consta que está quase arrancando os poucos cabelos prateados (o barbeiro Ruimar Ferreira faz milagre com o reflexo invertido). É que, com foi proibido o aumento do IPTU e aprovada a anistia — projeto do atuante vereador Elias Vaz, do PSB —, o Paço Municipal perderá uma receita de no mínimo 180 milhões de reais.

A gestão de Iris Rezende já vai muito mal, com caos total na saúde, e, com menos dinheiro, deve piorar ainda mais.