Grupo Zahran não quer jornalistas de sua equipe “atacando” políticos nas redes sociais

Quem não se ajustar às novas regras, rapidamente, será cortado

Ueze Zahran e Zilma Mellati | Foto: reprodução

O grupo Zahran, que comprou a TV Anhanguera e “O Popular”, avisa, de cara, que não quer jornalistas de sua equipe “atacando” políticos e empresários nas redes sociais. Eles vão ser enquadrados pelo novo contrato de trabalho — seguindo o estilo da TV Globo.

Quem não se ajustar às novas regras, rapidamente, será cortado.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Zazá

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vcs são foda! notícia top e atualizada