A cúpula do governo do Estado não viu com bons olhos os “ataques” do prefeito de Itumbiara, José Antônio, ao presidente da Saneago, Jalles Fontoura. Tese do governo: “Qualquer ataque a um órgão do governo contribui para gerar desgaste”.