Gisele Lisboa é a aposta do Podemos para a Prefeitura de Itapaci

A advogada e servidora da Saneago afirma que, se eleita, vai “desencardir” a cidade e fazer obras melhores e com custos mais baixos

Gisele Lisboa: pré-candidata a prefeita de Itapaci pelo Podemos | Foto: Reprodução

O Podemos vai bancar a advogada Gisele Lisboa, de 35 anos, para prefeita de Itapaci.

Gisele Lisboa disse ao Jornal Opção que decidiu ser candidata porque se impôs uma missão: recuperar Itapaci para todos os moradores do município — da cidade e da zona rural. “O desenvolvimento de Itapaci está ‘atrofiado’ pela má gestão do prefeito Mário José Sales, o Mário Macaco, do PSDB.” O repórter interrompe a entrevista: “Não podemos publicar o nome Mário Macaco, porque é ofensivo”. A advogada e funcionária da Saneago corrige: “Não, não é ofensa. Ele põe o nome Mário Macaco nos seus adesivos”.

“Não vejo qual esperança podem oferecer os que mandam na cidade há vários anos e nunca trabalharam para melhorá-la”, frisa Gisele Lisboa.

“A cidade está mal administrada. A infraestrutura urbana e rural está em mau estado. As ruas estão cheias de buracos e as estradas vicinais, abandonadas. As ruas estão cheias de mato e lixo. Itapaci tinha três hospitais, caiu para dois e agora só tem um. Mesmo assim, não funciona bem. Mário Macaco fechou a creche da Vila Santana. O prefeito acabou com o campo de futebol da Vila Santana, sem explicar o motivo e a necessidade. Ele mandou arrancar o gramado — acabando com o lazer das pessoas — e ficou por isso mesmo. Quer dizer, piorou, porque, onde havia o gramado, agora há lama”, critica Gisele Lisboa.

José Nelto e Gisele Lisboa: “Ela terá o apoio dos políticos do Podemos na Câmara dos Deputados para fazer uma boa gestão” | Foto: Divulgação

“O prefeito Mário Macaco não tem obras consistentes para apresentar. Na verdade, terminou algumas obras iniciadas na gestão anterior. E só. Fez um portal, na entrada de Itapaci, que todos consideram como malfeito”, diz a pré-candidata.

“Prefeito disse que lago sairia por 249 mil e já gastou
quase 400 mil reais. Mas o lago não fica pronto”

Um dos problemas sérios de Itapaci é a questão do lago. Gisele Lisboa afirma que, pela licitação, o lago do Setor Planalto custaria 249 mil reais. “Mas, com o aditivo, vai custar quase 400 mil reais. Detalhe: o lago existe, mas está ‘morrendo’ porque a vegetação está tomando conta. Sua ‘urbanização’ não foi feita. O prefeito prometeu criar uma infraestrutura turística no local, mas, a não ser que ele use óculos especiais para ver o que ninguém está vendo, não há nada de expressivo no local.”

Gisele Lisboa afirma que o prefeito disse que iria fazer uma praça, chegou a gravar um vídeo. “Mas a praça não existe.”

Chico do KGL, deputado estadual, e Gisele Lisboa: aliados em Itapaci | Foto: Reprodução

Para a disputa eleitoral, Gisele Lisboa afirma que já conta com o apoio do Podemos, seu partido, do Patriota de Jorcelino Braga e do PSL do deputado federal Delegado Waldir Soares. “Nós estamos articulando com outros líderes, pois queremos montar uma frente do bem para revitalizar a cidade.” Seu principal adversário deve ser o prefeito Mário Macaco (PSDB). O PL deve bancar Iron Soldado para prefeito. “No plano estadual, tenho o apoio declarado do deputado federal José Nelto, presidente do Podemos, e do deputado Chico do KGL.”

Animada, Gisele Lisboa afirma que está deixando suas atividades para articular sua pré-campanha para prefeita. A pré-candidata afirma que, como legalmente não há campanha, não deve apresentar seu plano de governo agora. Mas está ouvindo a população para elaborar um programa de gestão que esteja sintonizado com seus anseios.

Gisele Lisboa frisa que, se eleita, uma de suas metas é enxugar a máquina pública. “É preciso diminuir gastos, acabar com o excesso de funcionários, o cabide de empregos. Mas também é vital valorizar aqueles servidores que trabalham, que servem bem à comunidade. A prefeitura também deve reduzir gastos que considero excessivos. Compra-se material em excesso e é preciso inclusive verificar se chega o que está no papel. É preciso ter um hospital decente, que supra as necessidades dos moradores. Hoje, os pacientes têm de se deslocar para Ceres ou Goiânia.”

Há duas coisas que Gisele Lisboa considera fundamentais: gerar empregos e melhorar a renda das pessoas. “Por isso, é fundamental a construção de um centro comercial e um parque industrial em Itapaci. É preciso revitalizar o lago do Setor Planalto e implantar áreas de lazer nos três lagos da cidade.” Como se considera atleta, a pré-candidata, se eleita, avalia que é preciso investir pesado em esporte. “Mas não só. Precisamos investir em cultura e lazer diversificado. A prefeitura também precisa melhorar a sua ação social.”

Hoje, frisa Gisele Lisboa, há uma consciência de que é preciso tratar bem os animais, como cachorros e gatos. “Se eleita, gostaria de implantar um albergue para cachorros e gatos de rua.”

A pré-candidata aprecia esportes e é torcedora do Vasco da Gama e do Goiás Esporte Clube. Ela nasceu em Ceres, morou em Porangatu e, com 9 anos, mudou-se com a família para Itapaci. “Sinto que pertenço à cidade e a entendo. Percebo que as pessoas querem mudança, renovação.”

Ouvido pelo Jornal Opção, o deputado federal José Nelto foi peremptório: “Gisele Lisboa é ‘o novo do novo’. É séria, competente e vai moralizar a gestão pública. Se eleita, terá o apoio do Podemos de Goiás e do país. Nós vamos arranjar recursos para que administre bem o município. Anote: ela vai ser eleita e vai fazer uma revolução no município”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.