Empresário diz que Cacai Toledo impede que Acia assuma controle do Centro de Convenções

Parte do dinheiro obtido seria utilizado para a conclusão da obra e parte ficaria com a associação

Centro de Convenções de Anápolis | Foto: Divulgação

O governador Ronaldo Caiado (DEM) havia se comprometido a repassar a gestão do Centro de Convenções de Anápolis — “uma obra de primeiro mundo”, afirmam anapolinos — para a Associação Comercial e Industrial de Anápolis (Acia). Mas, de repente, recuou.

Segundo um empresário anapolino, Carlos César Toledo, o Cacai — amigo de Ronaldo Caiado —, teria dito que o pessoal da Acia é marconista e, sobretudo, que a associação não teria como manter o Centro de Convenções.

Carlos César Toledo: segundo um empresário, estaria jogando contra a Acia | Foto: Divulgação

Como parte da construção já pode ser usada, como um anfiteatro — palco para formatura de estudantes —, a Acia alugaria suas dependências para terceiros, ficaria com 50% dos recursos obtidos e repassaria 50% para o término da obra.

“A estrutura do Centro de Convenções é excelente, de qualidade. Sob o comando da Acia serviria melhor tanto ao empresariado quanto à sociedade, mas infelizmente o Cacai, que é íntimo de Ronaldo Caiado, brecou o negócio”, afirma.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.