As relações entre os senadores Ronaldo Caiado e Aécio Neves eram as melhores possíveis, mas, quando o mineiro precisou de sua lealdade, não a teve

Foto: reprodução / Facebook Ronaldo Caiado

Em 2014, o senador Aécio Neves, do PSDB de Minas Gerais, procurou o governador de Goiás, Marconi Perillo do PSDB, e sugeriu, várias vezes, que o tucano-chefe aceitasse o senador Ronaldo Caiado na chapa majoritária que estava montando. Agora, alguns anos depois, o presidente do DEM não correspondeu à expectativa do senador mineiro e votou contra ele. “Vivendo e aprendendo”, afirma um aliado de Aécio Neves.