Desfiliado do PT, o novo reitor dificilmente voltará a disputar eleição na política partidária

O reitor eleito da Universidade Federal de Goiás Edward Madureira, se fosse se fosse rei, certamente seria chamado de Edward O Breve. No caso, breve tem a ver com o encerramento de sua participação na política partidária. Ele só disputou uma eleição.

Em 2014, filiado ao PT, Edward Madureira disputou mandato de deputado federal e obteve quase 60 mil votos. O PT o ajudou muito pouco e o professor fez uma campanha espartana, obtendo uma votação surpreendente para um marinheiro de primeira viagem e um outsider no meio petista.

Ao disputar a Reitoria pela terceira vez, em junho deste ano, o mestre da Faculdade de Agronomia desfiliou-se do PT e dificilmente voltará a disputar eleições fora do ambiente universitário, que é sua verdadeira vocação.

A política perde um quadro altamente qualitativo e decente. Mas a universidade ganha um educador que tem tino administrativo e, por certo, vai aproximar a UFG ainda mais da sociedade.