Dois deputados federais devem ser convocados para secretarias importantes do governo de Marconi Perillo, se este for reeleito. Um deles pode ser Marcos Abrão, cotado, ao lado de José Paulo Loureiro, o golden boy do marconismo, para a Secretaria da Fazenda ou para a Secretaria de Planejamento.

A ressalva é que o PPS nacional conta com o deputado goiano para se fortalecer em Brasília.

Alexandre Baldy (PSDB), embora queira passar pela experiência do Parlamento, pode ser convocado para uma secretaria com o objetivo de alavancar sua candidatura a prefeito de Anápolis.

Há, porém, uma vantagem: os recursos do Orçamento da União podem ser liberados pelos titulares do cargo. No período de votar as emendas eles assumem e, depois, saem de novo.