Do Congresso Nacional ao Palácio do Planalto, todos apostam em candidatura de Júnior Friboi ao governo de Goiás

Em Brasília, do Congresso Nacional ao Palácio do Planalto, trabalha-se com a tese de que o candidato do PMDB a governador de Goiás será o empresário Júnior Friboi, de 54 anos. A cúpula nacional — leia-se o vice-presidente da República, Michel Temer, e o presidente nacional do PMDB, Valdir Raupp — aposta que, pela capacidade de montar uma estrutura gigante, dado o volume de dinheiro que afirma ter, Friboi conquistou os líderes e as bases.

Temer recebeu Iris Rezende em Brasília e, depois, convocou Friboi para uma reunião. Em nenhum momento pediu para o empresário retirar sua candidatura. Ao contrário, autorizou-o a seguir em frente. Tanto que três deputados federais — Pedro Chaves, Sandro Mabel e Leandro Vilela — assinaram nota em defesa da postulação de Friboi.

Deixe um comentário