A primeira semana de trabalhos da Câmara de Goiânia em 2023 terminou sem definição sobre quem substituirá o vereador Clécio Alves (MDB), que renunciou para assumir o mandato de deputado estadual na Assembleia Legislativa, a 1ª vice-presidência da Casa. Os vereadores Leo José (Republicanos) e Geverson Abel (Avante) são os nomes mais citados para o posto.

Na quinta-feira, 2, o presidente do Legislativo, vereador Romário Policarpo (Patriota), se reuniu com Léo e Geverson para recomendar que eles cheguem a um consenso sobre qual dos dois deve assumir a 1ª vice-presidência. Na conversa, Policarpo disse que a decisão deles terá o respaldo dos demais colegas de plenário e que não há qualquer restrição aos nomes de nenhum dos dois.

Vereadores próximos ao presidente afirmam estar trabalhando para evitar que Léo e Geverson disputem a vaga no voto. “Disputas por vagas na mesa são sempre traumáticas”, disse um deles à reportagem. As renúncias de Clécio e de Mauro Rubem (PT) – o petista também venceu as eleições para deputado estadual – mexeram com a mesa e também com a composição das comissões. As articulações para as cadeiras vagas tomaram corpo com a volta dos trabalhos, na quarta-feira, 1º.