Alexandre César defende união da base e quer disputar eleição em Trindade

O pré-candidato afirma que o prefeito Jânio Darrot ainda não se definiu por nenhum candidato a prefeito

Há quem aposte que a base do prefeito de Trindade, Jânio Darrot, do PSDB, fechou questão em torno do nome do vereador Marden Gabriel Alves de Aguiar Júnior (PP, mas de saída), que teria ao apoio do padre Robson (de quem foi personal trainner), da Igreja Católica, e de grupos evangélicos. Na verdade, o gestor municipal ainda não fechou questão com nenhum candidato e disse para os cinco pré-candidatos do governismo — Alexandre César (PP, mas de saída), Marden Júnior, Dyego Hygor de Oliveira Marques, do PSD, Jeann Carlos Borges de Souza, e Gleysson Cabriny de Almeida Costa, do PSDB — continuarem trabalhando.

Alexandre César planeja disputar a Prefeitura de Trindade | Foto: Facebook

Perguntado pelo Jornal Opção se havia desistido para apoiar Marden Júnior, de apenas 24 anos — é considerado “novo” para gerir uma prefeitura com a estrutura da de Trindade —, Alexandre César frisou: “Em hipótese alguma. No momento, estou organizando eventos, articulando a montagem de chapas de candidatos a vereador e dialogando com a sociedade de Trindade. Tenho boa aceitação na sociedade, por exemplo nas duas lojas maçônicas, no Rotary, entre os funcionários públicos, sobretudo não tenho rejeição, pois sou considerado um gestor e político agregador. Sou experiente, já trabalhei com quatro prefeitos. Se eleito, vou trabalhar, em tempo integral, para criar mais empregos e aumentar a renda da população. Hoje, 26% da população ativa trabalha em Goiânia. Quero mudar este quadro, gerando empregos locais”.

A base governista pode disputar com mais de um candidato — por exemplo, Marden Júnior e Alexandre César? “Acredito que não seria de bom alvitre. O melhor é lançar só um candidato. Até porque as oposições devem se dividir, lançando de dois a três candidatos. Então, unidos, temos mais chance de vencer o pleito.”

“Sentimento de grupo” — este é o mantra das várias forças que são aliadas do prefeito Jânio Darrot. “Quando definirmos o candidato e colocarmos o bloco na rua, com Jânio Darrot no comando da campanha, vamos eleger o próximo prefeito”, afirma Alexandre César. “Quem une tem força e nós temos um capital político e administrativo muito forte.”

Sobre uma possível filiação ao Cidadania, Alexandre César esclarece: “Estive com o vice-governador, é fato. Mas é preciso lembrar que Lincoln Tejota integra a base do govenador Ronaldo Caiado e eu pertenço à base do prefeito Jânio Darrot, que é do PSDB. Ademais, o Cidadania tem um pré-candidato na cidade, o vereador Roni (Ronigles) Ferreira dos Santos.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.