Alexandre Baldy atrai o PTN para a base do governador Marconi e reduz espaço da oposição

Adriano Avelar é ligado ao deputado Alexandre Baldy

Adriano Avelar é ligado ao deputado Alexandre Baldy

O PTN não está mais inativo em Goiás. Adriano Avelar, ligado ao deputado Alexandre Baldy, assumiu a presidência do partido e, workaholic, está trabalhando em tempo integral para reorganizá-lo. Seu objetivo é instalá-lo em 200 dos 246 munícipios goianos para, nas eleições de 2016, eleger pelo menos de oito a dez prefeitos e 100 vereadores. Avelar trabalhou durante anos com o ex-deputado federal Sandro Mabel e, agora, assessora Baldy.

Baldy disse ao Jornal Opção que a conquista do PTN não foi importante apenas para seu grupo político. “Nós tiramos o partido do controle da oposição e o passamos para a base do governador Marconi Perillo.” O tucano frisa que, se a “janela” for aprovada, é provável que o PTN consiga a adesão de pelo menos dois deputados estaduais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.