Vogue Brasil vira alvo de polêmica após campanha com atores globais “amputados”

Tentativa de promover a Paralimpíada do Rio acabou atraindo onda de críticas. Internautas lamentam “ideia equivocada de representatividade”

A Vogue Brasil foi o assunto mais comentado nas redes sociais nesta quarta-feira (24/8) após divulgação de um ensaio de gosto bastante duvidoso, ao menos para grande parte dos internautas. Intitulada “Somos Todos Paralímpicos”, a campanha traz os atores Cléo Pires e Paulinho Vilhena amputados digitalmente.

A ação foi desenvolvida pela agência de publicidade África e, segundo a revista, os modelos representam os atletas Bruna Alexandre, do tênis de mesa, e Renato Leite, do vôlei sentado.

Em seu site oficial, a Vogue Brasil esclareceu que a intenção era dar maior visibilidade aos paratletas, tentando atrair um maior número de compradores para os ingressos da Paralimpíada do Rio.

A promoção do evento pode ter, entretanto, surtido efeito contrário. Nas redes, a campanha dividiu opiniões, mas grande maioria dos comentários é negativa. Internautas lamentaram a ideia equivocada de representatividade adotada pela publicação.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.