Vítimas da pandemia serão homenageadas por Siron Franco

Além da exposição, a Casa preparou também ações baseadas na instalação de oficinas literárias

O artista plástico goiano Siron Franco vai homenagear as vítimas da pandemia e os profissionais da saúde durante apresentação da exposição “Renascimento”. O evento composto por 365 manequins suspensos, será realizado, no período de 15 de janeiro ao dia 20 de março de 2022, no jardim da Casa das Rosas, em São Paulo.

Siron Franco disse que a mostra teve como inspiração, quando ele pendurou um de seus manequins num varal de arame. “A imagem de flutuação e as sombras criadas dão a impressão de uma festa no céu, representados pelos manequins”, explicou o artista.

Além da exposição, a Casa preparou também ações baseadas na instalação de oficinas literárias. A mostra é resultado de uma parceria entre o Museu da Imagem e do Som (MIS) e a CAsa, gerenciada pela Poiesis, ambas instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

Os manequins, de diferentes tamanhos e volumes, ocupam o jardim da Casa das Rosas e são suspensas por um cabo de aço a seis metros do chão. Eles serão vestidos com roupas coloridas, alguns deles têm a “cabeça” coberta por um capuz que, segundo o artista “simbolizam a nossa insegurança quanto ao nosso destino”, destacou.

Homenagem

Siron contou que a exposição traduz reflexões geradas pelo distanciamento social, e da importância do contato físico, e celebração da vida. A exposição ocorre no período em que o imóvel da Casa das Rosas passa por restauro e as atividades do museu são feitas em seu jardim e por meio da internet.

Entre as oficinas literárias estão a Ficções Vida, programada para os dias 18, 20 e 27 de janeiro, das 18h às 20hs, e consiste em estimular a produção de pequenas biografias de personalidades que foram vítimas da Covid-19. Siron Franco é pintor, escultor, ilustrador, desenhista, gravador e diretor de arte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.