Virmondes recua e Lincoln Tejota fica na 2ª vice-presidência da Assembleia

O ex-vereador agora irá presidir a Frente Parlamentar da Microempresa na Casa

A disputa pela 2ª vice presidência da Assembleia Legislativa de Goiás parece ter chegado ao fim. O deputado estadual Virmondes Cruvinel recuou em seu pedido pelo cargo do PSD, deixando o espaço aberto para ocupação do deputado Lincoln Tejota. “Eu abri mão para que possamos trabalhar em unidade”, afirmou Virmondes.

O ex-vereador explica que conversou muito com José Vitti (PSDB), o presidente da Casa, Hélio Sousa (DEM), sobre a questão que estava dividindo a bancada do PSD na Assembleia.

De acordo com Virmondes, os deputados conversaram sobre como essa indecisão do PSD estava deixando a responsabilidade para todos os parlamentares — já que caso a bancada não decidisse, Virmondes e Linconl seriam votados por todos os deputados. 

“Não é momento de polemizar; de levar problema da bancada para fora. Essa boa convivência é importante”, garantiu Virmondes, que afirmou que Linconl também se comprometeu a ouvir sempre os vereadores da bancada. O parlamentar ainda disse que Vilmar Rocha entrou em contato, e pediu mais ponderação de ambos.

Virmondes Cruvinel explicou que agora recebeu a missão de presidir Frente Parlamentar da Microempresa na Assembleia. A frente é instalada em uma gestão com a assinatura de 14 deputados, e é constituída por cinco integrantes — indicados pelo presidente. Neste caso, Virmondes afirmou que irá pedir uma indicação de nome para líderes de bancadas, para pelo menos cinco partidos serem representados no grupo.

“Recebi o apoio dos colegas para montar o projeto, e vai ser bom porque essa é uma área defendida pelo partido a nível nacional, então iremos trazer essa discussão para o Estado”, explicou, garantindo que irá buscar parcerias e fomentar o debate constante sobre o tema.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.