Vilmar Rocha admite que maioria do PSD quer permanecer na base

Durante sabatina no clube de repórteres políticos, presidente do partido em Goiás diz que, ainda sim, decisão será tomada apenas nas convenções

Foto: Larissa Quixabeira

O presidente do PSD em Goiás, Vilmar Rocha, admitiu nesta quarta-feira (13/6) que a maioria do partido tem preferência por permanecer na base aliada ao governador José Eliton (PSDB), apesar do diálogo que tem estabelecido com pré-candidatos da oposição ao governo do Estado.

“Majoritariamente, o partido quer permanecer na base, mas tem opiniões diferentes, então a decisão mesmo será na convenção em julho, início de agosto. O PSD tem sido muito cobrado, mas muitos partidos tem tomado esse mesmo posicionamento de não antecipar nenhuma decisão”, afirmou.

Rocha participa de sabatina com o clube de repórteres políticos em evento na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.