Vereadores da base reclamam que não conseguem audiência com secretário de Trânsito

Parlamentares dizem que requerimentos são constantemente ignorados por Fernando Santana 

Foto: Larissa Quixabeira/Jornal Opção

Vários vereadores, incluindo parlamentares da base do prefeito Iris Rezende (PMDB), utilizaram questão de ordem durante sessão da Câmara Municipal de Goiânia na manhã desta quinta-feira (23/8) para reclamar sobre a falta de disponibilidade do secretário municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), Fernando Santana.

A vereadora Léia Klébia (PSC) iniciou os questionamentos, lembrando a morte de um jovem em acidente de trânsito. “Esse silêncio que eu pedi é pela SMT, uma secretaria que já está morta há muito tempo”, disse. Segundo ela, Fernando não responde a diversos requerimentos.

“Desde o dia que ele se tronou secretário ele não atende ninguém. Ele não atende nem ao prefeito”, reclamou o GCM Romário Policarpo (PTC).

A fala de Léia foi corroborada ainda por Paulo Magalhães (PSD), Izídio Alves (PR) , Emilson Pereira (Podemos) e Sabrina Garcêz (PMB). “Esse é o preço que nós estamos pagando pela lealdade. É o preço que pagamos pela nossa honestidade junta a cidade de Goiânia e a prefeitura”, reclamou Izídio.

O Jornal Opção tentou contato com Fernando Santana, que não atendeu à ligação.

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Marcus

Enquanto isso, o Trânsito vai de mal a pior sem planejamento, causado por secretários escolhidos de forma errada. Esse ai está passando da hora de pegar o boné e caçar rumo.
É preciso colocar quem realmente entende de trânsito e não qualquer um por indicação política.