Governo do Estado investe R$ 45 milhões em Valparaíso, no entorno do DF

De 2019 até hoje foram mais de R$ 45 milhões em recursos direcionados aos setores de moradia, educação, saúde e saneamento básico

Unidades habitacionais entregues em Valparaíso. | Foto: Governo de Goiás

O município de Valparaíso, no entorno do Distrito Federal, recebeu nos últimos quatro meses mais de R$ 45,1 milhões em investimentos do Governo do Estado em áreas como Habitação, Educação, Saúde, Infraestrutura, Agricultura, Saneamento e Assistência Social.

Na área da Saúde, desde 2019 a SES-GO repassou à cidade mais de R$ 13,4 milhões. Desse total, R$ 4,2 milhões em 2019, R$ 7,6 milhões em 2021 e, até o momento em 2021, R$ 1,6 milhão.

Habitação

Na política habitacional, desde 2019 o investimento total chega a R$ 60 milhões e é fruto de uma parceria do Governo de Goiás com o Governo Federal. Desde 2019, 750 famílias foram beneficiadas com a casa própria no município. As residências entregues de abril de 2019 a novembro de 2020 foram distribuídas em sete conjuntos habitacionais. São eles: Buritis I (96 moradias), Buritis II (96), Praia dos Amores V (90), Golden Park V (60), Golden Park VI (60); Residencial Praia dos Amores VI (90); Residencial Monte Sião VIII (114); Residencial Buritis III (144).

A Agência Goiana de Habitação (Agehab) ainda trabalha na construção de outras 777 unidades habitacionais em Valparaíso. Elas estão localizadas nos bairros Parque das Águas (243 unidades habitacionais), Mabel V – Etapa A (84), Mabel V – Etapa B (72), Monte Sião VII (114), Golden Park X (60), Golden Park IX (60), Golden Park IX (60), Mabel V – Etapa C (84). As novas moradias representam investimentos de R$ 73,6 milhões, dos quais mais de R$ 11,6 milhões são do Tesouro Estadual.

Educação

Na área da educação, foi repassado pelo Executivo a Valparaíso mais de R$ 8,8 milhões. A mais recente entrega foi no dia 13 de maior. Desses, R$155 foram direcionada a implantação do laboratório de robótica Include, instalado na Casa de Cultura Mestre Sabá. No mesmo dia da inauguração do laboratório de robótica, que visa inserir jovens de comunidades carentes nos ambientes digitais, foi assinada, pelo governador Ronaldo Caiado (DEM) ordem de serviço com valor de R$ 259 mil para a cobertura, reforma e revitalização da quadra poliesportiva do Colégio Estadual Gildete Barreto e obras de acessibilidade no local.

Atualmente, a Secretaria de Estado de Educação de Goiás conta com 11 escolas e 7980 alunos em Valparaíso. Por meio do programa Reformar já foram encaminhados R$ 627 mil para melhoria da estrutura física das unidades de ensino, com pequenas reformas. Os repasses são feitos diretamente aos Conselhos Escolares de acordo com o número de alunos atendidos em cada unidade. Também foram investidos mais de R$ 3 milhões em outras obras, de maior complexidade, nas escolas da cidade.

Através do programa Equipar, as unidades de ensino estadual em Valparaíso receberam um total de R$ 1,7 milhão para que sejam adquiridos computadores, materiais de laboratório e utensílios de cozinha. Além disso, foram investidos R$ 1,97 milhão no município, através do pagamento do Auxílio Alimentação e da compra dos Kits Alimentação que foram entregues aos estudantes de Valparaíso, durante o período de aulas não presenciais. Outros R$ 892 mil foram destinados à aquisição de uniformes e tênis para os alunos.

Saneamento e infraestrutura

Valparaíso também é um dos 16 municípios da região do Entorno de Brasília que vão receber os recursos do programa Sinaliza Goiás. São R$ 166.736,00 em material e execução de serviços de implantação e manutenção de sinalização vertical e horizontal. Em todo o Estado, serão investidos, nesta primeira etapa, mais de R$ 12 milhões para levar sinalização horizontal e vertical a 127 municípios goianos.

Ainda quanto ao saneamento, o Sistema Produtor Corumbá IV envolve um complexo de obras que conta com investimentos da Companha de Saneamento de Goiás S/A (Saneago) e da Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb). A soma desses valores desde 2019 é de  R$ 400 milhões, sendo R$ 143,4 milhões foram investidos pela Saneago. A captação do Sistema Corumbá fica em Luziânia (zona rural) e a Estação de Tratamento de Água em Valparaíso (zona urbana).

Com execução física de 97% das obras, o Sistema Produtor Corumbá é um dos maiores desafios nacionais do Saneamento. O empreendimento tem previsão para entrar em pré-operação ainda no primeiro semestre de 2021. Atualmente, a Saneago aguarda a resolução das seguintes pendências: licença de operação da linha de transmissão junto ao Ibama, e o comissionamento e energização da Estação de Tratamento de Água junto à Enel.

Esporte e ação social

Em incentivo ao esporte, Valparaíso conta com o projeto Construindo Campeões, do Governo de Goiás, que leva aulas de karatê para 200 crianças e adolescentes, de oito a 17 anos. Os alunos receberam kimonos e pares de luvas para usar durante a prática esportiva. Em outro programa, o Pró-Atleta, que concede bolsas a atletas de alto rendimento para custear despesas em treinamentos e competições, nove atletas de karatê do município foram contemplados.

Já quanto às ações sociais, de 2019 até hoje, a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) entregou 33.285 benefícios em Valparaíso de Goiás. Dentre eles, 470 cobertores e 32.285 brinquedos do Natal do Bem. Em 2020, a organização também distribuiu 5.398 cestas básicas no município. Desde 2019, a unidade do Restaurante do Bem de Valparaíso de Goiás ainda serviu 398.96 refeições, fruto de investimento de R$ 2.272.106,15. Neste período, 37 estudantes de Valparaíso foram contemplados com a bolsa de estudos do Programa Universitário do Bem (ProBem). A iniciativa viabiliza o acesso dos alunos ao ensino superior

Mais empregos

No município, o protocolo de intenções firmado entre a Secretaria de Indústria e Comércio (SIC) e uma indústria de suco resultou na geração de 160 empregos diretos e indiretos, além de investimentos de quase meio milhão de reais. Em 2020, o município celebrou a criação de mais de seis mil empregos formais e manteve um saldo positivo de 196 novas vagas. Este ano, Valparaíso também avança e chega a 1.792 postos de trabalho, com saldo positivo de 363 goianos empregados.

Ainda em 2019, pelo Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO), o município recebeu 15 contratos com valor de operação de mais de R$ 3,7 milhões (R$ 3,715 milhões) e geração de 122 empregos diretos. No ano passado, quatro contratos assinados criaram 131 postos de trabalho, com valores de operação superiores a R$ 3,8 milhões. Em 2021, foram dois contratos, com geração de 206 empregos diretos e valor de operação de quase R$ 6 milhões.

Quanto à zona rural, programa Mecaniza Campo, da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), direcionou R$ 1,5 milhão para a aquisição de sete máquinas (três caminhões basculantes; uma motoniveladora e três retroescavadeiras). Os recursos são provenientes de emenda da bancada federal goiana. Já o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA Estadual) repassou R$ 40.036,36 (em andamento), oriundos do Ministério da Cidadania.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.