Veja opinião de prefeitos do DEM sobre a reeleição de Marconi e a inédita aliança Caiado-PMDB

Gestores da sigla somam 17 no Estado. A maioria garantiu apoio ao projeto do tucano e à candidatura do democrata ao Senado. Outros, são cautelosos e aguardam convenção

Os prefeitos do Democratas em Goiás estão em situação de saia justa com o cenário político definido e polarizado entre o governador Marconi Perillo (PSDB) e Iris Rezende (PMDB), que leva em sua chapa o deputado federal Ronaldo Caiado (DEM) para concorrer ao Senado.

O sinal verde dado pelo tucano no início da semana para disputar a reeleição em evento da base aliada contou com a presença dos 17 prefeitos do partido, presidido regionalmente por Caiado. Porém, isso não quer dizer que todo o grupo está seguro em apoiar o projeto do governador. Alguns aguardam a convenção do dia 30 de junho (que será coletiva com a do PMDB) para se pronunciarem, outros asseguram pedir votos para Marconi e também para Caiado.

O Jornal Opção Online conversou com a maior parte dos prefeitos democratas para colher opiniões sobre a aliança inédita entre os líderes do DEM e do PMDB, além de como pretendem trabalhar nas respectivas campanhas. De modo geral, todos demonstraram ter respeito a Caiado. Em contrapartida, outros consideram que o antigo embate entre o candidato a senador e Iris é um empecilho para firmar aliança com a chapa peemedebista. Confira abaixo, a opinião dos prefeitos.

willis antonio de morais ziro prefeito de taquaral“Nunca tinha me filiado a partido nenhum e entrei no Democratas por conta da pessoa do Caiado. E agora, com essa decisão que ele tomou… nós não apoiamos o PMDB. Não fico sem votar em Caiado não, e sou Marconi”, relatou Willis Antônio de Morais, o Ziro, de Taquaral, que prefere não julgar o deputado federal como incoerente pela aliança considerada histórica.

odair resende prefeito de quirinopolis“O Democratas tem tradição de oposição ao PMDB, não podemos subir no mesmo palanque que eles”, comentou Odair de Resende, de Quirinópolis, que garante apoiar a chapa do atual governador. O político relata que os prefeitos foram apenas comunicados sobre a decisão de Caiado, pensada apenas para conquista o mandato de senador, segundo analisou. Ele adiantou que irá participar apenas da convenção da base aliada, no próximo sábado (28/6).

marco aurelio naves prefeito buriti alegre“Vou apoiar Marconi e o nosso candidato ao Senado, Ronaldo Caiado. Eu já tinha anunciado apoio ao governador e vou continuar com ele. Não posso dizer que houve incongruência ideológica porque eu não acompanhei o processo e não sei como foi feito o acordo [entre Caiado e Iris]. Então prefiro não comentar. O nosso grupo é muito fiel ao deputado”, avaliou Jaime Ricardo, de Ouro Verde, completando que não deve haver cisão dentro do DEM.

aurolino dos santos ninha prefeito de campos belos“O que fica difícil [para os prefeitos] é o discurso do Caiado. No interior, nas cidades pequenas, o nosso adversário é o PMDB. E o nosso senador lá. Vai ser uma dificuldade tão grande que não sei. Depois, fica é difícil subir nos palanques”, analisou Aurolino José dos Santos, o Ninha, de Campos Belos, pontuando que apoia a candidatura de Caiado (e não a de Iris) e que alianças do tipo estão ocorrendo em todo o Brasil neste ano.

paulo nascimento de souza prefeito de faina“O mesmo tratamento que vou dar para a reeleição de Marconi vai ser para o Caiado ao Senado. Já falei com o governador, com o vice José Eliton (PP) e o deputado federal”, listou Paulo Nascimento de Souza, o Paulinho do Lino, de Faina, ressaltando que Caiado poderá reavaliar o discurso.

luciano leao prefeito de itaja“O Marconi eu vou apoiar, certo? Mas vou esperar até o dia 30 para ver como é que vai ficar. Não podemos ter dois santos. Tem jeito? Não tem, né? Tem que ter um só. Na minha cidade existem dois partidos: DEM e PMDB. Isso é histórico, tem mais de 40 anos. Se morre um peemedebista, o pessoal do democrata não vai ao enterro”, metaforizou Luciano Leão, de Itajá, descartando qualquer possibilidade de trabalhar para duas chapas diferentes.

advair goncalves de macedo lagoa santa“O [apoio a] Marconi é certeza, mas tenho que aguardar o presidente do meu partido para poder dar a posição definitiva. Eu [nas eleições de 2012] disputei contra o PMDB. Como vou pedir voto para eles? É meio complicado”, alerta Adivair Gonçalves de Macedo. Prefeito de Lagoa Santa, o democrata acredita que será difícil apoiar o deputado federal Vilmar Rocha (PSD), candidato ao Senado pela base.

“Estaremos com o Caiado para o Senado, devemos muito e aprendi [política] com ele. Mas na minha base, a maior afinidade é para a reeleição de Marconi. O apoio ao governador é questão de gratidão. Estou um pouco apreensivo, não ouvi o discurso de Caiado ainda, só pelos jornais, mas [a aliança] parece estar meio fora do tom”, sugere Nelson Donizete Ferreira, o Nelsinho, de Urutaí, realçando não ter nada contra Iris.

vilmar jose correia prefeito campos verdes“Acredito que nosso bloco irá apoiar Marconi, inclusive eu. Essa situação do Caiado ao Senado ainda não está definida. Mas ele tem um grande trabalho prestado aqui. Dificilmente a sociedade irá votar contra. Esse ano a eleição está bem atípica, vou pedir votos para um e para outro”, frisou Vilmar José Correa, Campos Verdes.

jose do nascimento januario prefeito de gouvelandia“Estive com o governador [quando decidiu pela reeleição], estamos vendo o que vai acontecer. Tenho que consultar a minha base aqui também. Não adianta o prefeito falar uma coisa e os outros não acompanharem. Sabemos que o Marconi é insubstituível, mas acho que ele não vai agregar todo mundo, pois cada um tem seus compromissos, gostos, o que tem que ser respeitado. Temos que lutar por ele”, respaldou José do Nascimento Januário, Gouvelândia, que estará na capital nos próximos três dias para conversas com o tucano. O prefeito foi cauteloso ao dizer se apoia ou não Caiado.

Leia mais:
Prefeitos do PT não apoiam Marconi ao governo, mas querem manter repasse de benefícios
Prefeitos do DEM reiteram apoio a Marconi caso possível aliança Caiado-Iris seja confirmada

1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Odlan Cruzeiro

Todas as matérias do Jornal Opcão, sempre coloca em geral que Deputados, Prefeitos, etc.. Não apoiam IRIS. Agora a bola da vez é o Ronaldo Caiado. Eu penso que hoje em 2014, não existe mais esta questão, de eleitor ter que votar em quem o deputado, prefeito, etc… apontar. E mais nas condições de violência, saude, educação que se encontra o estado hoje, é muito difícil. Quem ganha eleição hoje é quem tem voto.