Veja como cada deputado votou na PEC da Previdência estadual

Texto foi aprovado em primeira votação nesta sexta-feira, 20, e segue para apreciação definitiva neste sábado, 21

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que reforma a Previdência dos servidores estaduais foi aprovada em primeiro turno nesta sexta-feira, 20. Texto voltou à tramitação após o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubar decisão que havia suspendido a discussão na Assembleia Legislativa de Goiás (Alego).

Na votação em Plenário, ela foi aprovada com 26 votos favoráveis e 14 contrários, sendo que votava SIM quem era a favor e NÃO quem era contra. Confira como cada um dos 41 deputados votou:

Henrique César (PSC) – SIM
Jeferson Rodrigues (Republicanos) – SIM
Diego Sorgatto (PSDB) – SIM
Paulo Cezar Martins (MDB) – SIM
Delegada Adriana Accorsi (PT) – NÃO
Dr. Helio de Sousa (PSDB) – NÃO
Major Araujo (PSL) – NÃO
Lissauer Vieira (PSB) – SIM
Chico Kgl (DEM) – SIM
Antônio Gomide (PT) – AUSENTE 
Dr. Antônio (DEM) – SIM
Claudio Meirelles (PTC) – NÃO
Talles Barreto (PSDB) – NÃO
Lêda Borges (PSDB) – NÃO
Bruno Peixoto (MDB) – SIM
Humberto Aidar (MDB) – SIM
Tião Caroço (PSDB) – SIM
Alysson Lima (Republicanos) – NÃO
Virmondes Cruvinel (PPS) – NÃO
Wilde Cambão (PSD) – SIM
Gustavo Sebba (PSDB) – NÃO
Rubens Marques (Pros) – SIM
Delegado Humberto Teófilo (PSL) – NÃO
Iso Moreira (DEM) – SIM
Amauri Ribeiro (PRP) – SIM
Lucas Calil (PSD) – NÃO
Álvaro Guimarães (DEM) – SIM
Rafael Gouveia (PP) – SIM
Delegado Eduardo Prado (PV) – NÃO
Henrique Arantes (MDB) – NÃO
Zé Carapô (DC) – SIM
Charles Bento (PRTB) – SIM
Cairo Salim (Pros) – SIM
Vinicius Cirqueira (Pros) – SIM
Paulo Trabalho (PSL) – SIM
Amilton Filho (Solidariedade) – SIM
Karlos Cabral (PDT) – NÃO
Thiago Albernaz (Solidariedade) – SIM
Wagner Neto (Pros) – SIM
Julio Pina (PRTB) – SIM
Coronel Adailton (PP) – SIM

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.