Vaquinha é criada para ajudar família que perdeu bens em enxurrada de lama

É possível doar via PIX, sem valor mínimo, e por cartão de crédito, boleto e Paypal, com mínimo de R$ 25

Fortes chuvas que ocorreram no município de Anápolis ocasionaram em um incidente em que o morador do Residencial Morumbi, Rômulo do Carmo, teve a casa invadida por enxurrada de água e lama. Na ocasião, o homem saiu ileso, mas obteve prejuízo de mais de R$ 80 mil. Para contribuir com a reconstituição dos bens do morador, o portal Razões para Acreditar criou uma ‘vaquinha’ virtual para arrecadas doações.

Até o momento desta publicação, foram arrecadados cerca de R$ 34.241,32. Na página de arrecadação, é contada a história de Romulo, que é promotor de vendas, e são apresentadas fotos de como a casa ficou após a invasão da lama.

Relembre o caso

Romulo conta que a lama invadiu a casa por 15 minutos. “Até mesmo a mangueira do botijão de gás foi destruída”, ele conta, na vaquinha. Segundo ele, todos os móveis foram perdidos. Entre eles, sofá, cama, guarda-roupa, armários, máquina de lavar, roupas e até o portão da casa, que foi danificado pela máquina de lavar, que bateu no portão com a força da enxurrada.

Após o ocorrido, a defesa civil precisou de oito caminhões de entulho e dez pessoas para que fosse possível retirar toda a sujeira da residência.da cidade precisou utilizar oito caminhões para a retirada. No dia do ocorrido, homem relevou que, para se proteger da enxurrada, se escondeu atrás da casinha de cachorro que se encontrava no quintal. Seu cachorro, idoso e cego, precisou tomar oxigênio após o acidente.

Em nota, a prefeitura de Anápolis informou que a Defesa Civil e a Secretaria de Obras e de Integração Social estão prestando assistência à família. Além disso, foi instaurado um inquérito para descobrir se houve omissão da parte do proprietário do terreno. O Jornal Opção chegou a conversar com o delegado responsável pelo caso, Dr. Jorge Bezerra, que afirmou que foi instaurado um inquérito para descobrir se houve omissão da parte do proprietário do terreno.

Como doar?

É possível doar através do PIX ou pela plataforma da vaquinha, a VOAA. Por PIX, não tem valor mínimo para a doação, enquanto o site exige mínimo de R$ 25. No entanto, pelo portal, é possível realizar o pagamento via boleto, cartão de crédito e Paypal.

Para doar, acesse o site da vaquinha aqui.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.