Vanderlan nega que PP vai bancar Renan Calheiros à presidência do Senado

Bancada de progressistas vai se reunir na quarta-feira, 23, para fechar apoio oficial ao colega Esperidião Amin (PP)

Foto: Reprodução

O senador eleito Vanderlan Cardoso (PP) negou ao Jornal Opção, nesta segunda-feira, 21, que seu partido irá apoiar Renan Calheiros (MDB) na eleição para a presidência do Senado. Neste domingo, 20, o jornal Estadão, divulgou a informação de que o PP apoiaria o senador alagoano.

De acordo com o pepista, a bancada, que possui 6 senadores, vai se reunir na quarta-feira, 23, para confirmar a candidatura de Esperidião Amin (PP)

“Decidimos pela candidatura do Amin e estamos vendo se ele se viabiliza. É uma eleição complicada, com muitos candidatos”, falou.

Ao ser questionado se votaria em Calheiro em alguma hipótese, o sentador disse que a bancada vai trabalhar para que o Amin vá para o segundo turno. “Se eu disser que, em um eventual segundo turno, podemos acompanhar sicrano ou fulano, a gente enfraquece o nosso candidato”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.